Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

“Gratidão e reconhecimento”, Luiz Fernando Vampiro sobre Dia do Professor

Em 2020, com a proliferação da Covid-19, os professores precisaram se reinventar
Letícia Ortolan
Por Letícia Ortolan Florianópolis - SC, 15/10/2021 - 08:45Atualizado em 15/10/2021 - 08:48
Foto: Arquivo / 4oito
Foto: Arquivo / 4oito

“Gratidão e reconhecimento”. As palavras são do secretário de Educação do governo de Santa Catarina, Luiz Fernando Vampiro, sobre o Dia do Professor. Em entrevista ao programa Adelor Lessa desta sexta-feira, 15, ele destacou que os educadores merecem reconhecimento diante de seus esforços, especialmente neste momento da pandemia do coronavírus. Além disso, falou dos avanços do Estado na pasta. 

Em 2020, com a proliferação da Covid-19, os professores precisaram se reinventar. As aulas passaram a ser 100% online, pois o acesso à unidade escolar foi proibido em combate a disseminação do vírus. Já em 2021, Santa Catarina retornou ao sistema híbrido. 

“No dia 18 de fevereiro, o estado foi protagonista no Brasil neste reinício de aulas, ficamos num momento muito forte da pandemia, com mais de 250 pacientes esperando leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) com os professores, diretores e servidores públicos recepcionando e atendendo os alunos”, disse o secretário.

Vampiro ainda falou que Santa Catarina iniciou com um processo diferenciado. Foi o único estado do país, de todas as categorias dos servidores públicos, que conseguiu os avanços econômicos. "Conseguimos esse avanço em relação ao mínimo garantido na folha inserido na folha de pagamento, incluindo os profissionais da educação”, salientou. 
 

Ouça a entrevista completa abaixa: