Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

Expectativa do Município de Criciúma ainda é assinar o Fonplata II em outubro

Administração segue os trâmites para a liberação do recurso
Marciano Bortolin
Por Marciano Bortolin Criciúma, SC, 30/09/2021 - 19:01Atualizado em 30/09/2021 - 19:03
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O Governo Municipal de Criciúma segue os trâmites para encaminhar os recursos do Fundo Financeiro para o Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata II), em outubro de 2021.

São mais US$ 31 milhões a serem aplicados na cidade. “Iniciamos a carta consulta, que é o start na busca do recurso. Encaminhamos em agosto de 2020 e, na nossa linha do tempo, era chegar em outubro deste ano com a possibilidade da assinatura do contrato. A Secretaria do Tesouro Nacional emite nota técnica nos dando a permissão de empréstimo no início de outubro. Agora estamos aguardando parecer da Procuradoria Geral da República. iremos fazer este acompanhamento in loco na semana que vem, tirar as dúvidas que por acaso tenham”, explica o secretário-Geral do Município de Criciúma, Waguinho Espíndola.

Dos US$ 31 milhões, dos quais, US$ 6 milhões são de contrapartida do Município. 

Como será investido

O Projeto de Transporte e Mobilidade Urbana de Criciúma/SC – 2ª Etapa, tem por objetivo maior mobilidade, manejo adequado das águas pluviais e fluviais e a melhoria das condições socioambientais, aumentando seus padrões de qualidade de vida.

Ainda de acordo com o projeto, as obras devem reduzir o deslocamento entre a origem e destino dos usuários de veículos; eliminar os pontos de estrangulamento e congestionamento do tráfego; estimular o uso de bicicletas como meio de transporte limpo; aumentar a infraestrutura e mobilidade urbana; criar novas rotas de acesso nos pontos críticos do município; criar espaços de práticas sustentáveis e eco pedagógicas; além de proporcionar espaços para a integração sociedade-natureza, visando o bem-estar da população e a conscientização ambiental.

De maneira geral serão executadas obras de implantação de ruas e pavimentações; implantação de parques; terceira etapa do Canal Auxiliar; macrodrenagens; continuação do Binário no bairro São Luiz, avenida Imigrantes Poloneses/Avenida Miguel Patrício de Souza - etapa 2; revitalização, alargamentos e adequações de ruas para reestruturação do trânsito e implantação de central semafórica; entre outras obras de mobilidade.

O primeiro FonplataOs recursos do primeiro Fonplata está sendo investido na primeira etapa do binário da Avenida Santos Dumont, que recebe investimento de R$ 32.433.128,48. Para a segunda etapa, há um orçamento de R$ 16,6 milhões, orçada também pelo Fonplata.