Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Estado e municípios definem vacinação de crianças sem exigência de receita médica

Exigência será que a criança esteja acompanhada pelos pais e/ou responsáveis e que seja apresentado um documento de identificação
Por Redação Florianópolis, SC, 27/12/2021 - 18:57 Atualizado em 27/12/2021 - 18:59
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Quer receber notícias como esta em seu Whatsapp? Clique aqui e entre para nosso grupo

A Comissão de Intergestores Bipartite (CIB) definiu nesta segunda, 27, que a vacinação contra a Covid-19 de crianças de 5 a 11 anos de idade será realizada indistintamente, ou seja, sem a necessidade de apresentação de receita médica. A exigência será que a criança esteja acompanhada pelos pais e/ou responsáveis e que seja apresentado um documento de identificação.

A decisão foi tomada considerando a aprovação da Anvisa de uso da vacina Pfizer para a imunização contra Covid-19 de crianças de 5 e 11 anos de idade baseada nas evidências científicas disponíveis que conclui que o imunizante, quando administrado no esquema de duas doses em crianças de 5 a 11 anos de idade, é seguro e eficaz na prevenção da Covid-19 sintomática, da evolução para casos graves potencialmente fatais ou condições que podem ser causadas pelo SARS-CoV-2.

Importante ressaltar ainda que a vacina aprovada para a imunização das crianças de 5 a 11 anos é diferente daquela utilizada para a vacinação das pessoas maiores de 12 anos . As vacinas utilizadas para pessoas com 12 anos ou mais tem uma composição de 30 microgramas por dose e está identificada com uma tampa roxa. Já a vacina que será aplicada nas crianças de 5 a 11 anos terá o equivalente a um terço da fórmula “padrão” (10 microgramas por dose) e será identificada com uma tampa laranja.

A Secretaria de Saúde de Santa Catarina (SES/SC) vê importância da vacinação deste público e aguarda informações oficiais do Ministério da Saúde (MS) quanto à aquisição da vacina, bem como orientações técnicas sobre o prazo para inclusão de crianças de 5 a 11 anos no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a COVID-19. No estado, a população na faixa etária dos 5 aos 11 anos está estimada em 642.800 crianças.

Copyright © 2021.
Todos os direitos reservados ao Portal 4oito