Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Em Brasília, Salvaro pede recursos para HMISC

Prefeito se reuniu com ministro da Saúde, Gilberto Occhi, ontem
Por Clara Floriano Criciúma - SC, 25/04/2018 - 08:08Atualizado em 25/04/2018 - 10:16

O prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro, se reuniu ontem com o ministro da Saúde, Gilberto Occhi, em Brasília (DF). Na oportunidade, Salvaro renovou o pedido de liberação de verbas, junto ao Ministério da Saúde, para custeio de despesas do Hospital Materno Infantil Santa Catarina (HMISC). O prefeito já tinha solicitado, no mês de fevereiro, recursos no valor de R$ 2 milhões. Desta vez, além de reafirmar a solicitação, Salvaro também busca a liberação de até R$ 5 milhões.

“Ontem tivemos uma audiência demorada com o Ministro da Saúde, junto ao senador Paulo Bauer. São mais de R$ 1 milhão por mês retirado dos cofres da Prefeitura. Estamos tirando esse dinheiro que poderíamos investir em outras coisas e estamos colocando no Hospital que nem é de responsabilidade do município. O Hospital e o atendimento às crianças são muito importantes, mas não é de nossa responsabilidade”, contou o prefeito.

Salvaro contou que o ministro deve se reunir com o governado de Santa Catarina, Eduardo Pinho Moreira, e com o secretário de Estado da Saúde, Acélio Casagrande para tratar do assunto. “Ele vai tratar tanto com o governador, quando com o secretário. Isso para que talvez o Governo Federal repasse uma verba ao Estado e este assuma o materno infantil”, disse.