Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Eleita a nova diretoria da Federação das Indústrias

Nova diretoria da Fiesc não tem representantes do Sul de Santa Catarina
Por Clara Floriano Criciúma - SC, 02/07/2018 - 08:31Atualizado em 02/07/2018 - 08:53
(foto: Filipe Scotti/ Fiesc/ reprodução)
(foto: Filipe Scotti/ Fiesc/ reprodução)

Na última sexta-feira a Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC) conheceu sua nova diretoria, presidida por Mario Cezar de Aguiar. A chapa única liderada pelo empresário foi eleita com 97% de aprovação. A posse da nova diretoria está marcada para o dia 10 de agosto, em Florianópolis.

“O nosso trabalho é um trabalho de continuidade ao belo trabalho que o presidente Glauco estava fazendo.  Temos um mapa estratégico que vai até 2022 que é baseado em quatro pilares fundamentais: o ambiente institucional, educação, inovação e tecnologia e a saúde e segurança do trabalhador” contou.

Aguiar falou sobre a atual situação de Santa Catarina. “Santa Catarina tem se destacado, embora seja um estado pequeno. Somos a sexta economia do país. Isso por conta da força do empresariado catarinense. Evidentemente que as condições não são favoráveis.  Entendemos que há necessidade maior de investimentos em Santa Catarina e vamos trabalhar para isso. Com relação ao governo do Estado, sabemos da dificuldade no próximo ano e que haverá um déficit. A ideia é que no curto prazo consigamos resolver essa situação”, afirmou.

Sem o Sul

A nova diretoria da Fiesc não tem representantes do Sul do Estado de Santa Catarina, por isso, uma das preocupações é sobre como a federação atenderá as demandas da região. “Temos 16 representantes do sul. Não há membro na mesa diretora, mas há uma composição do sul. O sul merece toda a tenção da Federação das Indústrias. Vamos levantar as demandas e ver como a Federação das Indústrias pode atender as necessidades do Sul do Estado”, esclareceu.