Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Do Avesso: O tântra como uma terapia complementar

Psicóloga e terapeuta sexual Daiane Gobbo foi a convidada do Programa Do Avesso desta quinta
Vitor Netto
Por Vitor Netto Criciúma - SC, 08/10/2020 - 16:45
Fotos: Vitor Netto / 4oito
Fotos: Vitor Netto / 4oito

Não é besteira. É assunto sério e é preciso ser abordado. Sexualidade é um tabu que diariamente profissionais buscam quebrar paradigmas. O programa Do Avesso desta quinta-feira, 8, recebeu a psicóloga, terapeuta e sexóloga, Daiane Gobbo. Ela é especialista em tântra, uma ciência abordagem terapêutica que atua com os princípios relacionados à Sexualidade, Afetividade e Desenvolvimento Humano. 

Daiane iniciou sua trajetória na estética, trabalhando com massagem estética. Iniciou graduação em Biologia e na grade curricular, interessou-se pelas disciplinas da anatomia e psicologia. "Eu sempre quis e dizia que seria uma sexóloga. A energia vital, a energia da criação é tudo o que é. Nós estamos aqui por causa da sexualidade e precisamos quebrar esses tabus", comentou. 

Formada em psicologia, começou a atuar na tântra. "O tantra tem uma visão bastante peculiar, porque ela é permeada e recheada de tabus que envolve a sociedade. Mas o tântra é um caminho para o autoconhecimento e descoberta do próprio prazer. E a sexualidade é um tema delicado, pois muita gente não quer falar sobre isso, então o tântra ele tem a função de trabalhar o autoconhecimento, por meio de técnicas, para o sujeito melhorar a qualidade de vida emocional, psíquica e relacionada a qualidade psicossomáticas", explicou. 

Conforme Daiane, a sexualidade é um tabu cultural e acredita que ainda a sociedade precisará lutar alguns anos para essa consciência. 

Ouça a entrevista completa