Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

Do Avesso e do CineVitor, Vitor Búrigo é entrevistado no Nomes & Marcas

Formado em cinema, apresentador e crítico está, atualmente, escrevendo roteiros
Heitor Araujo
Por Heitor Araujo Criciúma, SC, 04/09/2021 - 16:42
Foto: Vitor Netto / 4oito
Foto: Vitor Netto / 4oito

O Nomes & Marcas deste sábado, 4, foi com Vitor Búrigo, um dos apresentadores do Programa do Avesso da Rádio Som Maior e também criador do site de crítica CineVitor, que bomba no Instagram. Dentre os projetos, Vitor Búrigo revela que está escrevendo roteiros e que pode, em breve, apresentar novidades. 

Criciumense, Vitor Búrigo é formado em cinema pela Unisul, de Palhoça. Ele conversou com Adelor Lessa sobre como começou a paixão pela telona e como construiu a trajetória profissional. 

"O cinema está na minha vida desde a Vídeo Beta, começou lá. Como todas as crianças, via muitos filmes, repetidos, da Xuxa, Trapalhões. Pai e mãe brigando que eu alugava várias vezes a mesma fita. Fui adolescente, aí o Sander indicava muitos filmes clássicos, alguns até não muito conhecidos. Comecei a gostar e a conhecer esse outro mundo do cinema", relatou. 

"Resolvi fazer faculdade de cinema. Aqui em São Paulo, tinha Rádio e TV, eu pensava 'quero isso', mas fui cortado de ir para São Paulo, 'não, vai ter que fazer faculdade por aqui primeiro'. Me inscrevi em Palhoça, na Unisul, fiz no meio do ano o teste e fiquei em terceiro lugar. No fim do ano, fiquei em penúltimo, quase que não passo...", relembrou Vitor.

Durante a faculdade, Vitor Búrigo focou, principalmente, na escrita de roteiros. Depois de formado, criou o site de crítica e, atualmente, com o seu canal no Instagram, entrevista grandes figuras do cinema nacional. "Fiquei na parte das críticas dos filmes. Faço parte da Abracine, Associação Brasileira de Críticos de Cinema, foi uma grande vitória quando fui aceito", conta.

"No site a gente posta notícias, faz cobertura dos festivais. De um tempo para cá, durante a pandemia, voltei a escrever roteiros, o que fazia como exercício na faculdade. Agora, estou com alguns projetos, escrevendo e empolgado. Vamos ver o que vem pela frente", revela Vitor Búrigo.