Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Delimitação de foco do Aedes Aegypti é realizada no Pio Corrêa e Centro

Foco foi encontrado em região que contempla algumas partes dos bairros, no dia 3 de dezembro
Redação
Por Redação Criciúma - SC, 06/12/2019 - 19:39
Foto: Divulgação / Prefeitura de Criciúma
Foto: Divulgação / Prefeitura de Criciúma

Nesta sexta-feira, 6, os profissionais da Vigilância Epidemiológica de Criciúma realizaram Delimitação de Foco (DF) do Aedes Aegypti nos bairros Pio Corrêa e Centro. O foco do mosquito, transmissor da dengue, chikungunya, febre pelo zikavírus e febre amarela urbana, foi encontrado no dia 3 de dezembro, nestes locais, onde foram iniciadas visitas nas residências nos arredores.

Na Delimitação de Foco (DF), é traçado um raio de até 300 metros a partir do foco inicial, onde foram detectadas larvas do mosquito. "Realizamos visitas, com autorização dos proprietários, para verificar se há recipientes que possam servir de criadouros para mosquitos, orientando-os quanto à correta eliminação ou armazenamento. Lembrando sempre que os agentes estarão devidamente identificados com colete e crachá. Caso sejam encontradas larvas nos locais visitados, serão coletadas e levadas ao laboratório para identificação", explica a médica veterinária do Centro de Zoonoses (CCZ), Mayara Vieira Tizatto.

Décimo foco em 2019

Neste ano, já foram encontrados 10 focos do mosquito da dengue em Criciúma. Com este caso, já são dois focos no bairro Argentina, dois no Ana Maria, e mais seis espalhados pelos bairros Ceará, Centro, Santa Catarina, Imigrantes e Pio Corrêa.