Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
CORONAVÍRUS - Saiba mais aqui

Credores da Criciúma realizam manifestação na segunda

Segundo Agenor Daufenbach, não existem pendencias no processo judicial da empresa
Por Clara Floriano Criciúma - SC, 09/03/2018 - 11:01Atualizado em 09/03/2018 - 11:29

A próxima segunda-feira será marcada por uma manifestação de credores da Criciúma Construções em frente ao Fórum de Criciúma, às 16. Os credores estão revoltados com o andamento do processo. Em um texto de um dos credores, a convocação fala sobre a lentidão do judiciário e o suposto pagamento de R$ 27 milhões que os gestores levarão no fim da Recuperação.

“Fizemos no segundo semestre uma prestação de contas e lá prestando todas as informações. Uma das ações da Recuperação Judicial é a divisão de prejuízos. Os prejuízos que os credores estão falando são os mesmos que os credores souberam em 2015. Os credores estavam na assembleia quando o plano foi apresentado, eles votaram e aprovaram. Não existe uma pendencia no processo. Se algum empreendimento ainda não foi aprovado é porque não está adequado com o plano de Recuperação Judicial”, afirmou Agenor Daufenbach, advogado e administrador judicial da Criciúma Construções.

Daufenbach diz que estranhou a reclamação. “Essa informação (dos R$ 27 milhões) é uma inverdade, não existe. Não existe esse valor, não existe arbitramento. E com todo respeito ao protesto, tem que ter transparência, pelo que eu vi eu não tem nenhum empreendimento nisto”, explicou.