Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
CORONAVÍRUS - Saiba mais aqui

Covid-19: Três milhões de mensagens enviadas pelo Estado

Alertas sobre contaminados pelo novo coronavírus são enviados para catarinenses
Redação
Por Redação Florianópolis, SC, 09/07/2020 - 14:02
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O número de mensagens via SMS que alerta sobre casos confirmados de Covid-19 ultrapassou a marca de três milhões de envios nesta quarta-feira, 8. O serviço do Governo do Estado avisa sobre casos da doença no entorno e serve como mais um reforço à população da importância em adotar as medidas de prevenção.

As mensagens são enviadas no final da tarde, quando os novos casos são computados pela Secretaria de Estado da Saúde e repassados à equipe da Associação Catarinense de Medicina (ACM), que faz os disparos.

O serviço começou a operar em todos os municípios catarinenses em abril, pela parceria do Governo do Estado com a associação. “No início da pandemia nos reunimos com as principais empresas do ramo de tecnologia do Estado com o objetivo de salvar vidas. A ideia foi prontamente aceita pela equipe da Secretaria de Estado da Administração e as mensagens começaram a ser enviadas”, explica o presidente da entidade, Ademar José de Oliveira Paes Junior.

Ele enfatiza que as mensagens devem servir para a mudança de comportamento e para a criação de uma rotina de cuidados das pessoas, pois o número de casos está aumentando em Santa Catarina. “Não basta só saber que alguém próximo tem o vírus e não fazer nada para se proteger e proteger a família. É preciso adotar todos os protocolos necessários e, sempre que possível, evitar sair de casa”, disse.

Como funciona o serviço

Para receber a mensagem não é necessário nenhum cadastro ou atualização. Basta checar se o CEP informado na mensagem é o mesmo de quem recebe o alerta. A atualização dos bancos de dados acontece de forma automática e periódica.

É preciso destacar que o serviço resguarda a identidade dos envolvidos. “Sempre que um teste acusa positivo para Covid-19, as informações da pessoa ficam anônimas para as equipes que atuam no disparo das mensagens”, explica o secretário de Estado da Administração, Jorge Eduardo Tasca. A partir daí, é estabelecido um parâmetro territorial de 200 metros com a identificação de aparelhos celulares próximos para que as mensagens possam ser enviadas.

As mensagens enviadas pelo governo catarinense têm o seguinte teor: O Governo de SC informa caso confirmado de Covid-19 perto de sua residência CEP 00000-000. Se puder fique em casa. Se sair use máscara: www.coronavirus.sc.gov.br.