Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Comunidade japonesa do Sul catarinense representada em Missão Diplomática

A região Sul de Santa Catarina conta com aproximadamente 150 famílias de origem japonesa
Vitor Netto
Por Vitor Netto Criciúma - SC, 17/01/2020 - 22:19Atualizado em 18/01/2020 - 07:51
Foto: Vitor Netto
Foto: Vitor Netto

Criciúma e região contam com aproximadamente 150 famílias descendentes da origem japonesa. Essas pessoas terão uma representante da região em uma Missão Diplomática do Governo Japonês. A colunista do Portal 4oito e participante do quadro Café Digital no programa Ponto a Ponto, Alê Koga, será uma das sete representantes do Brasil na missão que ocorrerá de 2 a 10 de fevereiro em Tóquio.

A iniciativa é um programa para descentes japoneses conhecer o Japão, com o objetivo de aumentar a compreensão sobre a realidade das comunidades na América Latina e as políticas dos países com descendentes. "Tem-se essa preocupação de fomentar a cultura do Japão e de trazer para a geração mais nova essa cultura", explica. "Então esse programa serve para isso, para fazer a troca e trazer para a região mais fomento da cultura", completa. 

Alê será uma dos sete representantes do Brasil na missão que conta no total com 15 participantes vindos de outros países da América Latina e Caribe. Para participar, os participantes precisam ser descendentes de japoneses. "Eu me inscrevi  no programa no Consulado Geral do Japão e fui selecionada, representando o estado do Paraná e Santa Catarina", coloca. 

No programa os participantes conhecerão um pouco mais da cultura, terão reuniões com o governo e com a família imperial. 

Tags: japão