Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

BRDE repassa recursos para fomentar o Unesc em Dança

Diretor do banco, Eduardo Moreira visitou a reitora e a Universidade nesta sexta-feira
Por Redação Criciúma, SC, 03/12/2021 - 18:16 Atualizado em 03/12/2021 - 18:21
Fotos: Divulgação
Fotos: Divulgação

Quer receber notícias como esta em seu Whatsapp? Clique aqui e entre para nosso grupo

O Festival Unesc em Dança está recebendo um importante incremento. Em visita à Universidade na manhã desta sexta-feira (3/12), o diretor financeiro do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), Eduardo Pinho Moreira, repassou a boa notícia para a reitora Luciane Bisognin Ceretta. Foram repassados R$ 72,5 mil para investimentos na atração gerida pelo Setor Arte e Cultura da Unesc.

“Estamos gratos pelo reconhecimento do BRDE à nossa Universidade comunitária, nos contemplando com recursos oriundos da Lei Rouanet para o nosso Festival Unesc em Dança. Além disso, o diálogo com o dr. Eduardo Moreira nos apontou novos e importantes caminhos para projetos de captação de recursos com foco no desenvolvimento e na inovação”, registrou a reitora.

Além da Lei Rouanet, o recurso foi viabilizado por intermédio da lei número 8.685 de 1993, que cria mecanismos de fomento à atividade audiovisual. “O banco tem esses recursos de incentivos fiscais e é parceiro de grandes ações como essa”, salientou Moreira. “É uma forma, também, de estimular a cultura, e a dança faz parte culturalmente do bem-estar que a Unesc proporciona à região”, destacou.

O diretor comentou, ainda, que a destinação de parte dos impostos devidos para programas culturais, esportivos, sociais e assistenciais faz parte da política de responsabilidade socioambiental do BRDE, e está conectada com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), dos quais o banco é signatário.

Unesc em Dança

Os recursos recebidos do BRDE serão investidos no Unesc em Dança, atração realizada desde 2001 e que tem sido espaço para evidenciar a produção de trabalhos realizados por grupos de dança, academias, escolas de dança, escolas da rede pública e particular.

A intenção do projeto na Universidade é aproximar a comunidade regional em torno da linguagem artístico-cultural da dança.

Incentivos

Eduardo Moreira relatou que o BRDE disponibilizou, nos últimos anos, R$ 7,9 milhões para 193 projetos catarinenses, impactando diretamente mais de 150 mil pessoas. Só em 2020 foram beneficiados 33 projetos em Santa Catarina, que receberam valores entre R$ 10 mil e R$ 100 mil.

Copyright © 2021.
Todos os direitos reservados ao Portal 4oito