Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Banco de Olhos será aberto e Materno Infantil deve ter gestão compartilhada

Informações foram divulgadas por Acélio Casagrande, no Programa Adelor Lessa
Erik Behenck
Por Erik Behenck Criciúma - SC, 30/04/2018 - 14:30Atualizado em 30/04/2018 - 16:58
(foto: reprodução)
(foto: reprodução)

Inaugurado no fim de dezembro de 2016, o Banco de Olhos de Criciúma poderá finalmente iniciar suas atividades. Nesta segunda-feira (30) uma reunião na sede da Associação dos Municípios da Região Carbonífera (Amrec) definirá os passos a serem tomados. A informação foi divulgada em primeira mão no Programa Adelor Lessa, da Rádio Som Maior.

“Vamos fazer o cronograma de abertura, de colocar em funcionamento o Banco de Olhos no Hospital Santa Catarina. Isso está em planilha, agora vamos definir a questão dos recursos humanos e fazer com que seja levantado o Banco de Olhos com funcionamento pleno”, afirmou o secretário de Estado da Saúde de Santa Catarina, Acélio Casagrande.

O Banco de Olhos fica dentro do Hospital Materno Infantil Santa Catarina, e teve investimento de R$ 300 mil. A unidade também passa por um impasse, que envolve o auxílio do Estado em sua administração. Casagrande garante que a estadualização não será feita, e sim uma gestão compartilhada.

“O governador me deu autonomia nesse processo. Queremos transferir o local em que está a UTI neonatal. Daqui a pouco a população vai sim ter o Materno Infantil funcionando, Deus queira o quanto antes. Deverá ficar praticamente estadual”, explicou o secretário.