Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

Após impasses e crises internas, Brasil estreia na Copa América neste domingo

Seleção Brasileira enfrenta a Venezuela, às 18h, no Estádio Nacional de Brasília
Paulo Monteiro
Por Paulo Monteiro Brasília - DF , 13/06/2021 - 15:00
Foto: Lucas Figueiredo/CBF
Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Impasses, crises internas e desistências marcaram a trajetória do evento Copa América no decorrer do último ano, até a definição do Brasil como novo país sede. Neste domingo, 13, a Seleção Brasileira realiza a abertura da competição, em confronto contra a Venezuela no Estádio Nacional de Brasília, às 18h.

Inicialmente prevista para ser realizada em 2020, a Copa América precisou ser suspensa por conta da pandemia da Covid-19. Após a retomada do futebol, Colômbia e Argentina decidiram não sediar a competição, devido a complicada situação sanitária de ambos os países.

A Conmebol, então, com apoio da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e da carta branca do presidente Jair Bolsonaro, escolheu o Brasil, país que já passou dos 400 mil mortos por Covid-19, como novo país sede da competição. A situação gerou uma crise interna na seleção, com suspeita de ameaça de demissão do técnico Tite e insatisfação por parte dos jogadores.

Manifesto escrito e divulgado pelos jogadores da Seleção Brasileira

Com impasses resolvidos, os jogos já foram todos marcados. Neste domingo, além de Brasil e Venezuela, Colômbia e Equador também se enfrentam no Grupo A da competição.  A partida da Seleção Brasileira contará com transmissão ao vivo do SBT.