Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Toda empresa é de tecnologia, mesmo não sendo...

Claiton Pacheco Galdino
Por Claiton Pacheco Galdino 13/03/2018 - 09:00


Imagine que você possa obter informações relevantes sobre seu negócio é mercado antes de cada decisão que precisa tomar no dia a dia.

O que parece premonição tem nome. Trata-se do data driven business, conceito que trabalha com a análise orientada por dados, permitindo uma tomada de decisão assertiva e vantajosa ao negócio.

O termo Data-Driven Business se refere ao uso dos dados para análise e tomada de decisões empresariais. A partir dos dados coletados dos clientes, a empresa pode fazer análises e projeções preditivas para entender o comportamento do consumidor agora e no futuro, atuando de forma mais assertiva no desenvolvimento de suas estratégias, desde seu posicionamento de mercado até a criação de novos produtos, serviços e ações de marketing e branding. 

O grande diferencial entre as empresas no futuro vai estar relacionado com sua capacidade de minerar dados. Normalmente, seus dados, principalmente os relativos aos seus próprios clientes, são uma mina de ouro. 

Agora, o ouro não sai da terra sozinho, se você não minerar, não vai encontrar ouro.
No futuro para que as empresas tenham algum futuro é fundamental desenvolver sua capacidade de analisar dados. Entretanto, para analisar dados é preciso ter dados, gerar dados. É preciso construir touch points para gerar dados de suas relações com seus clientes. 

A quantidade de dados no mundo está dobrando a cada dois anos, segundo Paula Bellizia presidente da Microsoft Brasil, 90% dos dados com que a empresa trabalha tem menos de 2 anos, sendo assim, há dados demais. Mesmo que não estejam sendo usados para gerenciar negócios tradicionais esses dados existem.

Você pode achar que usar dados para gerenciar seu negócio não é prioridade, isso é verdade até que o seu concorrente comece a usar.
O que antes era uma ferramenta de gigantes da tecnologia, agora pode estar a disposição de qualquer empresa. 

Como as pessoas estão cada vez mais conectadas na web, disponibilizando seus dados constantemente, há uma grande oportunidade para que as empresas possam ajustar seu planejamento e suas ações estratégicas de marketing para que atinjam seu público de forma mais eficaz, gerando mais engajamento dos clientes e impactando os resultados em vendas. 

Para identificar oportunidades valiosas ao negócio, as empresas precisam dominar o assunto é de profissionais que trabalhem guiados por dados. Por isso, a formação de cientistas e especialistas em dados vem crescendo no Brasil.
Esse profissional passa a ser essencial para que as companhias possam utilizar as informações disponíveis em diversos canais, terem uma visão 360 graus do que os consumidores desejam e traçarem estratégias preditivas.
Segundo um levantamento do Gartner, 34% das empresas brasileiras devem investir em Big Data até o final do ano e o investimento em BI e Analytics deve ficar em torno de US$ 790 milhões.

Ficar por fora do data driven e do uso das soluções de business intelligence pode prejudicar o desempenho comercial da organização e impactar na performance financeira. 

Por isso, se você quer se atualizar sobre o assunto, existem muitas alternativas, para começar de uma Googlada leia artigos em relação às tendências da área.

Afinal, você não precisa ser nenhum Bill Gates para mudar e atualizar o modo como você reúne, administra e usa as informações e no futuro breve isso determinará se sua empresa vencerá ou perderá no mercado.

Pense nisso e até o próximo artigo.

 

4oito

Deixe seu comentário