Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Pesquisa de gestão de público é feita na Feira da Agricultura Familiar

Levantamento é resultado de uma parceria entre a prefeitura de Criciúma e um programa da Unesc
Redação
Por Redação Criciúma, SC, 16/11/2019 - 10:13
Divulgação
Divulgação

Com parceria entre a Prefeitura Municipal de Criciúma e o Programa de Extensão em Gestão Contábil (PEGC/UNESC) foi realizada uma pesquisa de público com consumidores da Feira da Agricultura Familiar, que acontece toda a segunda quinta-feira de cada mês, em frente à prefeitura de Criciúma, com aproximadamente 15 feirantes.

Com uma variedade de pães, doces, frutas, legumes, embutidos e derivados de milho, a feira é uma iniciativa do Governo Municipal por meio da Gerência de Agricultura e Agronegócio, em parceria com a Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri). A pesquisa de gestão de público, teve o objetivo de aprimorar aspectos, ampliar e consolidar a feira na cidade, oportunizando aos agricultores o acesso, capacitação, planejamento e controle de custos.

De acordo com a pesquisa, grande parte dos consumidores mora até 5 quilômetros de distância e, em relação ao início do projeto, aumentou muito o número de pessoas do setor privado, representando 41,8% do total pesquisado. A pesquisa mostrou ainda que 52,7% dos frequentadores da feira já havia comprado produtos no local e frequentado em outras oportunidades. O maior número de participantes soube da feira através de indicação, mas o levantamento mostrou que a divulgação em veículos de comunicação e redes sociais tem ajudado a trazer consumidores.

Ainda de acordo com a pesquisa, em média 50,9% dos participantes consomem entre R$ 26 e R$ 50, sendo verduras e vegetais o maior consumo. Outro dado importante mostrado, aponta satisfação total dos consumidores. “Essa pesquisa realmente mostrou que a feira está consolidada e vai crescer cada vez mais. Existe um público externo, e a divulgação pelas mídias ajudou muito a aproximar esse público. A feira da Agricultura Familiar tem um relacionamento com o consumidor, as pessoas chegam para comprar e buscam saber como é feito o produto e de onde vem. Temos um diferencial com alimentos embutidos, por que são produzidos por produtores da nossa região”, destacou a gerente de Agricultura e Agronegócio do município de Criciúma, Maristela Oenning Borgert.

Biomassa de banana é novidade na feira

A biomassa de banana verde agora vai se unir à série de produtos oferecidos pelos agricultores na feira da Agricultura Familiar. Com alto valor nutricional e muitos benefícios à saúde, a biomassa de banana será oferecida pura, para fazer as mais variadas receitas. “É muito bom ter variedades à venda, esse produto é uma base de banana verde e traz benefícios à saúde. Com a biomassa é possível fazer bolos, braunes, brigadeiros, nhoques e doces”, contou Maristela Oenning Borgett, gerente de Agricultura e Agronegócio do Governo de Criciúma.