Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

Hospital do Rio Maina começa a receber pacientes com Covid-19

Internações serão realizadas após atendimento no Centro de Triagem, 24h da Boa Vista ou UPA da Próspera
Paulo Monteiro
Por Paulo Monteiro Criciúma - SC , 04/12/2020 - 10:02Atualizado em 04/12/2020 - 10:04
Foto: arquivo / 4oito
Foto: arquivo / 4oito

O Hospital do Rio Maina começa a receber a partir desta sexta-feira, 4, pacientes positivados para Covid-19 que precisam de internação clínica. O atendimento é somente para aqueles pacientes que não precisam de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), e se dá em um momento em que o maior hospital da região, o São José, se encontra praticamente lotado.

De acordo com o secretário de Saúde de Criciúma, Acélio Casagrande, o encaminhamento para o hospital do Rio Maina se dá através dos atendimentos realizados no Centro de Triagem, próximo ao São José, na Unidade 24 horas da Boa Vista e, também, na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Próspera. 

“Dependendo da situação do paciente, se o quadro não tiver necessidade de leito de UTI, serão encaminhados para o nosso hospital de retaguarda do Rio Maina, que passa a atender os pacientes encaminhados por esses três centros. Nossa situação hoje, os hospitais estão todos cheios, principalmente os leitos de UTI que não temos mais nenhum leito vago do SUS”, comentou Acélio.

O hospital do Rio Maina já está preparado, em que cada quarto conta geralmente com uma cama, ar condicionado e um televisor. A internação mínima, segundo Acélio, é de cinco dias, podendo ficar até 10 ou mais dependendo da necessidade do paciente.

O secretário ainda reforça a grande quantidade de casos positivos diários que o município vem registrando: uma média de 250, nos últimos dias. Além disso, Criciúma está realizando agora testes rápido de antígeno, aquela coleta do cotonete no nariz que, quando realizado após três dias de sintomas, tem seu diagnóstico em 15 minutos.