Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Fábrica de carros elétricos pode ser instalada em Criciúma

Investidores do Paraná estarão na cidade nessa quinta-feira, 17, para uma visita de negócios
Gregório Silveira
Por Gregório Silveira Criciúma, SC, 15/09/2020 - 17:27Atualizado em 15/09/2020 - 17:28
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Em cidades de primeiro mundo é comum ver carros elétricos de pequeno porte e com apenas três rodas. Em Criciúma esse tipo de veículo pode começar a ser produzido em breve. 

Na próxima quinta-feira, 17, empresários do Paraná estarão na cidade para uma visita de negócios. O grupo de investidores deve bater o martelo e viabilizar a instalação de uma fábrica na maior cidade da Associação dos Municípios da Região Carbonífera (Amrec).

Comandando as tratativas está o diretor de desenvolvimento Econômico e Inovação de Criciúma, Claiton Pacheco. "Há cerca de dois meses estamos conversando. Eles gostaram muito da aceitação das pessoas quando foi divulgada a possibilidade de a fábrica ser montada aqui", adianta Claiton.

Segundo o protótipo, o veículo deve ter apenas três rodas, contar com autonomia de até 200 quilômetros, espaço para duas pessoas e possibilidade de versões com reboque. Os investidores têm parceria com a Universidade Federal de Cascavel e já possuem parte do recurso financeiro para a fabricação em escala. 

Os empresários do Paraná estarão pela primeira vez no município de Criciúma onde irão fazer um tuor pela cidade para conhecer alguns pontos. "Aqui eles tem facilidades que auxiliam e muito nesse setor. Nessa vinda a Criciúma eles visitarão a empresa Librelatto, onde pretendem negociar a fabricação do chassi para o carro. Também visitarão a SATC, onde conhecerão a tecnologia da escola e vão conversar sobre a mão de obra para a fábrica. Além do mais temos o Porto de Imbituba por perto e ligado por uma ferrovia. Isso facilidade a necessidade das importação e exportação", afirma Claiton.