Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

Estado deve impor novas medidas no combate à pandemia (VÍDEO)

Prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro, afirma que setor produtivo não será atingido
Marciano Bortolin
Por Marciano Bortolin Criciúma, SC, 23/02/2021 - 16:59Atualizado em 23/02/2021 - 17:19
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Através de vídeo, o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro (PSDB), falou da reunião que teve com o governador Carlos Moisés da Silva (PSL) e com o secretário de Estado da Saúde, André Motta. Em pauta, o agravamento da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). O prefeito salientou que Moisés deve baixar decreto que restringirá algumas atividades na busca por combater o vírus. “Temos 35 leitos de UTI no Hospital São José, sendo que 34 estão ocupados. Nove dos dez leitos da Unimed estão ocupados. Dez dos dez leitos do Hospital São Donato estão ocupados. Então o Governo do Estado vai baixar um decreto que vai valer para toda Santa Catarina e Criciúma vai seguir. As atividades produtivas não serão afetadas, mas é claro quer algumas atividades serão limitadas e a colaboração de todos nos próximos 15 duas é fundamental para vencermos a pandemia”, destacou Salvaro.

O prefeito ainda colocou o Centro de Tratamento de Criciúma, implantado na antiga Casa de Saúde do Rio Maina, à disposição para o Governo do Estado instalar e custear leitos de UTI.

Confira o que diz o prefeito Clésio Salvaro: