Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Da Alemanha para o mundo

Há dois anos na América Latina, casal atravessa o continente em um motor home. São muitas aventuras
Por Fagner Santos Balneário Rincão, SC, 19/09/2018 - 09:05
Guilherme Hahn / A Tribuna / Especial
Guilherme Hahn / A Tribuna / Especial

Foz do Iguaçu, Porto Alegre, Bento Gonçalves, Gramado e Florianópolis. Esses são alguns dos locais que Thomas Hentzschel e Christin Behle já visitaram em suas duas semanas no Brasil. Definindo a si mesmos como viajantes de tempo integral, o casal de alemães partiu da cidade de Lemgo para pisar na América do Sul pela primeira vez há dois anos. Entre idas e vindas da Europa, passam seus dias viajando em um acolhedor motor home, além de bicicletas, balsas, trens, ônibus ou qualquer outro veículo necessário para acessar diferentes partes do planeta. 

Fixados por um dia no Campestre Park Lagoa dos Esteves, no Balneário Rincão, os viajantes partem hoje em direção ao estado da Bahia. O objetivo do casal é, através de meios modestos, conhecer o maior número de locais, pessoas e culturas diferentes em curtos espaços de tempo longe de casa. “No Brasil, por exemplo, europeus podem permanecer por no máximo três meses a passeio, então não podemos passar mais do que um ou dois dias em um local”, explicou Thomas, que é advogado.

Os alemães têm aproximadamente 60 dias para terminar a rota planejada entre Santa Catarina, Bahia e Distrito Federal. 

Foto: Guilherme Hahn / A Tribuna / Especial

Visitas fora de temporada

Como o verão brasileiro ainda não começou, os destinos turísticos litorâneos tendem a receber menos visitantes, fator que influenciou no planejamento do destino pelo casal. “Claro que gostamos de conhecer pessoas novas e os brasileiros são muito receptivos, mas com menos trânsito na região do litoral temos certeza de que poderemos concluir o plano de seguir até Salvador e depois Brasília dentro do tempo que possuímos no país”, explicou. Quando o visto de viagem de três meses termina, os europeus devem permanecer mais três meses fora do Brasil, podendo, então, retornar para continuar a viagem. 

Para o inverno de 2019, o casal planeja enviar, via balsa, o motor home pelo Rio Amazonas. A ideia é conhecer toda a extensão do curso de água enquanto visitam as diferentes localidades ao redor do mesmo e, então, seguir pela estrada até a Venezuela e as Guianas. Argentina, Chile, Uruguai e Bolívia são os países já visitados pelos alemães desde 2016. 

Viajantes de longa data

O sonho de conhecer diferentes lugares do mundo sempre fez parte dos planos do casal. Há dez anos, uma viagem de carro pela Rota da Seda, na Índia, foi a arrancada para passarem a utilizar a alcunha de viajantes de tempo integral. Antes disso, os dois realizaram viagens em menor escala por países da Europa e Oriente Médio.