Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
CORONAVÍRUS - Saiba mais aqui

Covid-19: 50% dos leitos de UTI de Criciúma estão ocupados

São José conta com 18 unidades de UTI reservadas para a doença. Dessas, três são ocupadas por criciumenses
Paulo Monteiro
Por Paulo Monteiro Criciúma - SC , 21/05/2020 - 18:48Atualizado em 21/05/2020 - 18:52
Foto: divulgação
Foto: divulgação

O secretário de Saúde de Criciúma, Acélio Casagrande, ressaltou nesta quinta-feira, 21, mais uma preocupação em relação ao coronavírus no município: os leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Dos 18 leitos do Hospital São José reservados para a doença, 9 já estão ocupados - sendo 3 referentes à pacientes de Criciúma e os demais de outras regiões.

“A preocupação sempre existiu e continuará existindo. Imagine se der um pico, daí fica muito difícil. A esperança é de que o estado ainda nos mande os 40 respiradores, daí ficaremos com um número razoável”, disse o secretário.

O São José já conta com 40 espaços reservados para o recebimento dos respiradores. Para Acélio, a situação continuará sendo de preocupação enquanto houver um caso ativo da doença no município. “Sempre preocupa. Enquanto tiver um, dois ou três casos de Covid-19 em Criciúma, nós continuaremos preocupados”, colocou.

A pesquisa que envolve a testagem aleatória da população criciumense segue na ativa, devendo retornar na próxima segunda-feira. O último estudo trazia um percentual e 8% de pessoas positivas, entre os testados aleatoriamente pelo município, o que apontaria uma projeção de cerca de 17 mil pessoas contaminadas em Criciúma. 

Tags: coronavírus