Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Comece o dia bem informado: Tigre, eventos e Covid-19

Criciúma perdeu por 2 a 0 para o lanterna; passeata do setor de eventos teve pouca adesão e quase 400 novos casos de coronavírus em Santa Catarina
Marciano Bortolin
Por Marciano Bortolin Criciúma, SC, 19/10/2020 - 06:43Atualizado em 19/10/2020 - 06:44

Criciúma perdeu para o lanterna - O Criciúma segue sofrendo fora de casa na Série C. Em seu sexto compromisso longe do Heriberto Hülse, não veio a primeira vitória de novo. Na tarde deste domingo, o Tigre tomou 2 a 0 do Boa Esporte no estádio do Melão, em Varginha. Detalhe: o Boa era o lanterna do grupo, e não havia vencido ainda na competição. Com o resultado, o Boa saltou para 9 pontos, e o Criciúma, com 15, segue em quarto. O próximo compromisso tricolor também será contra um último colocado. Na segunda-feira, 26, o Tigre visitará o São Bento, agora último da chave. O jogo será1 disputado em Sorocaba às 18h.

Passeata do setor de eventos teve pouca adesão - Um dos principais setores afetados pela pandemia do coronavírus é o setor de eventos. Desde o início, em março deste ano, eles estão parados. Alguns conseguiram se reinventar e mudar de área, mas essa não é a realidade de todos. Empresas fecharam, dividas aumentaram e a reposta do Governo para o setor não tem sido positiva. Por isso empresários e funcionários se mobilizam na região, para que exista o retorno dos eventos, com os devidos cuidados. Após a passeata realizada no final de setembro, o grupo organizou uma carreata até Laguna, que reuniu cerca de 400 carros, segundo Hemerson Machado, integrante do setor.

Covid-19: Quase 400 novos casos em Santa Catarina - No estado de Santa Catarina 235.159 casos de Covid-19 foram confirmados. São 394 a mais do que sábado, 17. Dos confirmados, 8.230 continuam em acompanhamento e 223.962 são considerados recuperados. Neste domingo, 18, também foi divulgado o balanço que apresentou uma taxa de letalidade de 1,26%. Desde o início da pandemia, 2.967 mortes foram causadas pelo novo coronavírus, uma delas registrada de sábado para domingo.