Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Após tiros e perseguições, homem é preso pela PM (VÍDEO)

Em um veículo roubado, motorista fugiu de Criciúma até a rodovia Deputado Paulino Búrigo, quando foi preso
Redação
Por Redação Içara - SC, 20/10/2020 - 08:12Atualizado em 20/10/2020 - 11:07
Foto: Divulgação / PMSC
Foto: Divulgação / PMSC

Uma perseguição movimentou as ruas de Criciúma e Içara na noite desta segunda-feira, 19. Um homem foi preso após ter fugido, em um carro roubado, da Polícia Militar, em uma ação que envolveu tiros e tentativas de homicídio por parte do motorista.

Segundo informações da Polícia Militar, a guarnição avistou um veículo suspeito na rua Silvino Rovaris e fez sinal sonoro para realizar abordagem. O motorista, no entanto, não obedeceu e começou a dirigir de maneira perigosa na rua Silvino Rovaris, seguido pelas avenidas dos Italianos e João Ronchi.

Após ter colidido no portão de uma transportadora localizada na avenida, um dos homens que estavam dentro do carro saltou e fugiu a pé para dentro do pátio. O outro, no entanto, voltou a dirigir no pátio da transportadora, acelerando e investindo contra três policiais que o acompanhavam - o qual tiveram que atirar no veículo.

Foram 33 tiros ao todo. Após isso, o motorista acelerou novamente e acabou fugindo - sendo perdido de vista pela guarnição. Pouco tempo depois, o carro foi avistado ainda dirigindo de maneira perigosa nas vias, passando por lugares cheios de pessoas e andando na contramão algumas vezes.

Quase no Balneário Rincão, na rodovia Deputado Paulino Búrigo, o veículo colidiu nas bases de proteção da esquina do anel viário com o posto local, fazendo com que o motorista fugisse a pé de imediato. Foi feito um cerco e, após muita resistência, o homem acabou sendo preso e algemado.

Enquanto a guarnição aguardava o guincho no local, o homem começou a se debater na viatura, aparentemente passando mal, sendo acionado o Samu para aguardar na Central de Flagrantes de Criciúma. Ele chegou a ser atendido pelo Samu mas, por não estar respondendo, foi deslocado ao Hospital São José para exames - sendo liberado logo após.

O homem teve algumas escoriações e hematomas em função das batidas durante a fuga e o acidente. O preso, inclusive, se recusou a falar com a guarnição após ter sido liberado. O outro homem, que fugiu ainda no pátio da transportadora, não foi encontrado.