Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

A pesquisa como aliada da formação acadêmica

Professora relata o ganho que os alunos têm ao realizar as pesquisas
Marciano Bortolin
Por Marciano Bortolin Criciúma, SC, 19/10/2020 - 11:48
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Aprender não significa estar apenas em sala de aula, de frente para um quadro somente lendo e anotando o que o professor escreve e o ouvindo. E nesta questão de ir além da sala de aula, está a pesquisa, o que a Universidade do Extremo Sul Catarinense (Unesc), faz muito bem e que contribui com o aprendizado e com a consequente carreira de seus alunos. “É importante uma universidade que tem professores que, além do ensino, também desenvolvem pesquisa, porque quando a gente fala em fazer pesquisa, significa estar contribuindo com o crescimento da ciência. Um professor que está sempre usando pesquisa o ensino é um professor que está sempre atualizado, que está levando este lado critico, esta questão muito precisa e objetiva que pressupõe a pesquisa também para a sala de aula. É muito importante isso para o aluno e só em uma universidade a gente consegue fazer isso porque em uma universidade a gente faz pesquisa em extensão, além do ensino da graduação”, enfatiza a professora da Unesc, Vanessa Moraes de Andrade.

Ela conta que o feedback dos alunos é o melhor possível. “A gente vê não só do ponto de vista dos professores serem extremamente criticos ou atualizados com o ensino, mas os alunos que se envolvem, aproveitam isso, o quanto isso muda a formação deles. Permitir ao aluno iniciar neste mundo da pesquisa. Desde a primeira fase ele pode se envolver na pesquisa e mesmo que o aluno quando se forma não queria ir para o mundo acadêmico, a gente nota uma grande diferença na carreira daqueles que aproveitam a pesquisa”, comenta.