Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Bazar Solidário da Cáritas

Por Pe. Samiro 08/04/2019 - 06:00

Desde quinta-feira até a manhã de sábado mais de 5 mil peças novas de roupas, sapatos, bolsas e acessórios foram vendidas no Bazar Solidário da Cáritas Diocesana de Criciúma, no salão da Catedral São José, em Criciúma. Os artigos variaram de preço entre R$ 1 até R$ 4o e são fruto de um convênio entre uma grande rede de lojas do Brasil com a Cáritas Regional de Santa Catarina. Além de Criciúma, outras quatro dioceses do Estado que contam com o organismo contaram com a mesma atividade.

Quinta-feira o bazar aconteceu até as 19h. Na sexta, abriu às 9. No sábado o bazar abriu às 9h e encerrou ao meio dia. A cada dia, o estoque foi reposto com uma infinidade de opções para todos os gostos. Conforme o presidente da Cáritas de Criciúma, padre Wilson Buss, havia uma série de opções de roupas infantis e principalmente para o público feminino. Além das 5 mil peças perfeitas, houve também um espaço separado dentro do salão onde os consumidores puderam adquirir roupas com pequenos defeitos de fábrica. "Nosso bazar teve uma dupla finalidade: metade do valor irá auxiliar o trabalho da Cáritas Regional e a outra metade, a Cáritas Diocesana. Nós temos, hoje, trabalhos com catadores, de formação, economia solidária e especialmente formação das entidades membro da Cáritas, com o trabalho social lá na base, com as pessoas. É um incentivo para que as pessoas possam fazer a caridade junto aos empobrecidos, uma caridade assistencial que muitas vezes acontece, mas que também pode partir para uma assistência mais libertadora. E outro grande valor deste bazar é a solidariedade dos voluntários, também, que articularam e trabalharam durante todos esses dias", pontua padre Wilson.