Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
Por Francine Ferreira 26/10/2018 - 06:00Atualizado em 06/11/2018 - 11:53

Classificação de risco

Começa a funcionar na manhã de hoje o sistema de classificação de risco no Pronto Atendimento de Forquilhinha, implantado com objetivo de melhorar o atendimento prestado da unidade. Com isso, receberão ainda mais prioridade os casos de urgência e emergência, por conta de uma triagem inicial que passará a ser realizada antes das consultas.
A média do Pronto Atendimento de Forquilhinha varia entre 2,7 mil a 3,2 mil atendimentos mensais, algo em torno de 100 pessoas por dia. Para dar conta de toda a demanda, mais três enfermeiros e seis estagiários foram contratados.
Na prática, a partir de hoje, ao invés de respeitar a ordem de chegada, será observado o estado clínico de cada paciente, com casos mais graves sendo passados na frente, por meio da distribuição de pulseiras com cores diferenciadas:
Vermelha – atendimento imediato: traumas com lesões de único ou múltiplos sistemas, que caracterizem risco de vida ou sofrimento intenso ao paciente;
Laranja – atendimento em dez a 15 minutos: casos muito urgentes, como infarto, grandes queimaduras, crise asmática grave, hemorragia incontrolável, entre outros;
Amarela – atendimento em até 60 minutos: casos urgentes, como pequenas hemorragias e traumatismos, desidratação, entre outros;
Verde – atendimento em até 120 minutos: casos de menor urgência, como febre, vômitos, dor leve, entre outros;
Azul – atendimento em até 240 minutos: casos não urgentes, como controle da hipertensão e diabetes, avaliação de feridas crônicas, troca de curativo, entre outros.

Da Política

Segundo turno

No próximo domingo, 19.133 eleitores de Forquilhinha, sendo 9.613 mulheres e 9.520 homens, irão às urnas expressar seus votos para o segundo turno. O município está na 98º Zona Eleitoral e possui 18 locais de votação, com 60 sessões espalhadas pelas escolas e Centros Comunitários dos principais bairros da cidade.

1 2 »