Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
Por Archimedes Naspolini Filho 12/04/2019 - 06:00Atualizado em 12/04/2019 - 23:20

JORNAL TRIBUNA CRICIUMENSE, fundado em 2 de maio de 1955, precursor de A TRIBUNA, edição de 25 de julho de 1960.

CARLOS GOMES DE OLIVEIRA SERÁ VICE NA CHAPA DE IRINEU BORNHAUSEN – Durante a visita que o senador Irineu Bornhausen fez, na semana passada a esta cidade, teve ocasião, a reportagem, de auscultar a opinião de destacados próceres udenistas, ocasião em que soube que, nos próximos dias 30 e 31, terá lugar a Convenção da União Democrática Nacional, em Florianópolis, quando será escolhido o candidato a vice-governador na chapa do candidato udenista. Soubemos, então, que a maioria dos convencionais está inclinada a indicar o nome do ex-senador Carlos Gomes de Oliveira, dissidente do Partido Trabalhista Brasileiro e contrário à candidatura de Doutel de Andrade na chapa da coligação PSD-PTB, para companheiro de Irineu Bornhausen. Deste modo a dissidência trabalhista também terá candidato na pessoa do Sr. Carlos Gomes de Oliveira que, em 1950, foi eleito para o Senado em situação semelhante à atual. Carlos Gomes, o dissidente, dançou. O resultado daquele pleito foi este: Governador - Celso Ramos, PSD-PTB-PDC, 51,98% dos votos. Irineu Bornhausen, 48,02%. Vice-Governador: Doutel de Andrade, PTB-PSD, 49,66% do eleitorado;
Carlos Gomes de Oliveira, UDN-PTN-PSP, 46,83%. Martinho Callado Jr, candidato avulso, PRP, 3,51%. Nessa época a votação era feita em duas escolhas: uma para governador e outra para vice-governador. Também admitia-se candidatura avulsa e multiplicidade de disputa: um mesmo candidato podia concorrer a vice-governador e a deputado federal, por exemplo. Vitorioso, optava por um dos cargos.

TRIBUNA ESPORTIVA – RODADA DE ONTEM – Ao vencer, na tarde de ontem, ao Ouro Preto, o Comerciário garantiu a sua posição de líder absoluto do certame, agora a dois pontos do seu perseguidor, o Metropol. Com uma arbitragem fraca do Sr. Adamastor Martins da Rocha, o time ‘bacharel’ venceu por 4 tentos a 1, embora não tenha se apresentado bem. Fumanchu, 2, Gerson e Betinho marcaram para o líder, tendo, Romeu, marcado para o ‘fantasma’. O Comerciário jogou com Zezé, Osni, Murici (Gerson) e Colombi; Gerson (Jango) e Pupo; Fumanchu, Valdir, Betinho, Zé Carlos e Risada. Fúlvio Naspolini esqueceu de publicar a formação do Ouro Preto. No Euvaldo Lodi o Metropol, ao empatar com o Boa Vista, 2 x 2, perdeu um precioso ponto ficando, agora, distante do líder em dois pontos. No Valdemar de Brito tivemos o Itaúna, terceiro colocado, e Atlético Operário, com marcador em branco.

CASAMENTO – Sábado, dia 16, teve lugar, nesta cidade, o enlace matrimonial do Sr. Jarvis Gaidzinski, filho do casal Maximiliano Gaidzinski-Octávia Búrigo Gaidzinski, com a prendada senhorita Adélia Tasso, filha do casal Bruno Tasso-Iracema Bortoluzzi Tasso.

E eu retornarei segunda-feira. Até lá amigos e um abraço do meu tamanho.

Bibliografia: coletânea Tribuna Criciumense, Arquivo Público Pedro Milanez.

Por Archimedes Naspolini Filho 11/04/2019 - 06:00Atualizado em 12/04/2019 - 23:09

JORNAL TRIBUNA CRICIUMENSE, fundado em 2 de maio de 1955, precursor de A TRIBUNA, edição de 18 de julho de 1960.

SINALEIRAS LUMINOSAS PARA CRICIÚMA – De há muito vêm, as autoridades e a população, se preocupando com a gravidade do problema de tráfego nesta cidade, em virtude do rápido crescimento populacional e a extensão da área urbana em correlação com o desenvolvimento comercial que se observa de ano para ano, o que contribui para dificultar a segurança dos pedestres. Sentindo essa velha aspiração do nosso povo, o deputado Ruy Hülse conseguiu, com a secretaria da Segurança Pública, a instalação, em futuro breve, de três sinaleiras para a nossa cidade. Lembro muito bem. O secretário de Segurança era o deputado federal Elias Adaime que havia trocado o PSD pela UDN. A sinaleira (semáforo) foi montada na esquina da Praça Nereu Ramos com a Rua Cel. Pedro Benedet. Era segura por arames estendidos das casas adjacentes. O trânsito, ali, era, sim, muito intenso: em volta da Praça, na Getúlio Vargas, na Rui Barbosa e na Pedro Benedet, todas com duas mãos. Ah, no pleito imediato Adaime perdeu as eleições. Trocou de partido e se ferrou!

TORNEIO DO BAIRRO DA JUVENTUDE – Foi realizado, na tarde de ontem, como complementação aos festejos de mais um aniversário do Bairro da Juventude, o tradicional torneio que reuniu as equipes da Larm com exceção do Itaúna e do Grêmio Araranguaense. Na partida final se defrontaram Próspera e Barão do Rio Branco, com a vitória do time escarlate pelo escore de 1 x 0. O Próspera, campeão, formou com Gazeta, Chimirim, Ticó e Gonga; Tião e Zeca; Dorinho, Chimba, Lourinho, Zé Gaúcho e João. O Barão, vice-campeão, com Gentil, Ataíde, Quininho e Célio; Alamiro e Matinho; João, Hamilton, Álvaro, Batista e Deluca.

CONCLAVE DOS MOTORISTAS DO SUL – (Rodeval José Alves) Todos já têm conhecimento do grande conclave dos motoristas criciumenses, que se realizará dia 24 próximo, quando dos festejos em honra a São Cristóvão, patrono dos motoristas. Os festeiros escolhidos foram: Saudário Freitas, Defendi Casagrande, David Conti, Santos Rodrigues e Aldo Meller. Os mordomos ficaram assim distribuídos: dia 15, Gracioso Furlanetto e Irio Alamini; dia 16, Roberto Camilo e Elpídio Rosalino; dia 17, Manoel Alves e Ernesto Hilário; dia 18, Basílio Dalló e Máximo Ghedin; dia 19, Leonel J. da Silva e Auzenir Guimarães Carvalho; dia 20, Luiz Lazzarin e Waldemar Machado; dia 21: Nelson Alexandrino e Antenor Longo; dia 22, Algemiro Manique Barreto e Alfredo Pereira; dia 23, Manoel Freias e Líbero Dário. A festa de São Cristóvão fez história. Era esperada como se esperava Santa Bárbara e São José. Era! Pelos nomes dos padrinhos da festa dá para se ter noção da sua grandiosidade.

E eu retornarei amanhã. Até lá amigos e um abraço do meu tamanho.

Bibliografia: coletânea Tribuna Criciumense, Arquivo Público Pedro Milanez.

Por Archimedes Naspolini Filho 10/04/2019 - 06:00Atualizado em 12/04/2019 - 23:06

JORNAL TRIBUNA CRICIUMENSE, fundado em 2 de maio de 1955, precursor de A TRIBUNA, edição de 11 de julho de 1960.

SEMINÁRIO ROGACIONISTA PIO XII, CELEIRO DE NOVOS FRANCISCOS DE ASSIS – Extensa matéria de capa fala dos festejos alusivos ao primeiro aniversário do Seminário dos Rogacionistas, comemorado dia 19 de julho de 1960. O texto é ilustrado com três fotografias cujas legendas dizem: Foto 1 – Flagrante dos seminaristas e seus pais, no Dia das Mães, no vestíbulo do Seminário. Foto 2 – Padre Mário Labarbuta, procurador da Congregação dos Rogacionistas e diretor do Seminário Pio XII, localizado no lugar Pinheirinho, no Bairro da Juventude. Foto 3 – Procissão de Nossa Senhora Imaculada e São José, no dia 8 de maio do corrente ano, nas dependências do Seminário Rogacionista Pio XII.

PROGRAMA DA VISITA DO GOVERNADOR HERIBERTO HÜLSE A CRICIÚMA – O  governador Heriberto Hülse, em prosseguimento às obras que sua honesta e fecunda administração vem realizando em benefício da coletividade barriga-verde, inaugurará, nos próximos dias 16 e 17 do corrente, sábado e domingo vindouros, as já concluídas neste município, lançando a pedra fundamental do Palácio do Estado. O programa é o seguinte: dia 16, às 15h00, inauguração do Posto de Suinocultura, no distrito de Forquilhinha. Dia 17, às 10h00, inauguração do Grupo Escolar Coronel Marcos Rovaris, no Bairro da Juventude; às 12h00 almoço oferecido ao governador e sua comitiva no salão do Seminário Rogacionista Pio XII; às 15h00, lançamento da pedra fundamental do Palácio do Estado; às 16h00, inauguração do aumento do Posto de Saúde e, às 17h00, inspeção às obras do Grupo Escolar Humberto de Campos, no Bairro Próspera. Segunda-feira, dia 18, pela manhã, retorno a Florianópolis.

CASAMENTO – Quarta-feira última, dia 6, consorciaram-se, na vila do distrito de Içara, o Sr. José Antônio Dal-Toé – filho de Antônio Dal Toé, alto comerciante naquela localidade, e de Cecília Casagrande Dal Toé – com a prendada senhorita Vanilda De Luca, dileta filha do casal Jorge Elias de Luca e Gilda Rizzieri de Luca, elementos de destaque nos meios sociais e econômicos deste município. Os nubentes receberam cumprimentos na residência dos pais da noiva, ocasião em que foi oferecido, ao grande número de convidados, magnífica recepção.

TORNEIO NO BAIRRO DA JUVENTUDE – Teremos, no próximo domingo, o já tradicional torneio do Bairro da Juventude, do qual participam os times filiados à Larm. Este será o quarto torneio realizado na Scan, com o intuito de atrair mais pessoas para as festividades que todos os anos são realizadas nesta época.

E eu retornarei amanhã. Até lá amigos e um abraço do meu tamanho.

Bibliografia: coletânea Tribuna Criciumense, Arquivo Público Pedro Milanez.

Por Archimedes Naspolini Filho 09/04/2019 - 06:00Atualizado em 12/04/2019 - 22:55

JORNAL TRIBUNA CRICIUMENSE, fundado em 2 de maio de 1955, precursor de A TRIBUNA, edição de 4 de julho de 1960.

NOVO CONSELHO DIRETOR DO ROTARY CLUB – Quarta-feira próxima, dia 6, em jantar festivo com o comparecimento das damas rotárias, no Restaurante Capri, tomará posse o Conselho Diretor que regerá os destinos dessa instituição de julho de 1960 a igual período de 1961. A nova diretoria do Rotary Club de Criciúma está constituída da seguinte maneira: Presidente, Dr. Ernesto Bianchini Góes; Vice-Presidente, Dr. José Pimentel; Secretário, Wilson Barata; Tesoureiro, Ciro Bacha; Diretor de Protocolo, Dr. David Luiz Boianowski; Diretor sem pasta, Max Finster.

SEMINÁRIO SÓCIO-ECONÔMICO DE SANTA CATARINA – Do Sr. Celso Ramos, Presidente da Federação das Indústrias e supervisor geral do Seminário Socioeconômico de Santa Catarina, recebemos atencioso convite para participarmos da segunda fase desse importante inquérito (?) que, com escrúpulo e sabedoria vem colhendo dados indispensáveis ao levantamento das necessidades de todas as regiões geoeconômicas de nossa terra. No próximo dia 16, às 14h00, no salão da SR Mampituba realizar-se-á a segunda reunião desse Seminário.

SOCIAIS – Valme Beneton e Suzelei dos Reis Beneton têm a satisfação de participar aos parentes e amigos, o nascimento de seu primogênito GIOVANI, ocorrido em dará de 26 de junho na maternidade do Hospital São José.

TRIBUNA ESPORTIVA – (Fúlvio Naspolini) MAMPITUBA FUTEBOL DE SALÃO – Cumpre-nos o grato dever de comunicar que, em assembleia geral realizada dia 25 de maio de 1960, foi eleita e empossada a seguinte diretoria que deverá reger os destinos desta agremiação: Presidente, Abílio Paulo Filho; Secretário, Raul de Luca; Tesoureiro, Adair Castelan.

TAÇA DO ATLÂNTICO: ontem, em Assunção, Brasil 2 x 1 Paraguai; dia 6, em Montevideo: Brasil x Uruguai; dia 10, no Maracanã: Brasil x Argentina. OURO PRETO 2 X 1 ATLÉTICO -  Jogando na tarde de ontem frente ao Ouro Preto, o Atlético perdeu mais dois pontos, o que nos leva a crer que o time orientado por Luiz Geraldo tenha dado seu adeus ao título máximo de 1960. A partida ofereceu os seguintes dados: Local: estádio Heriberto Hülse. Juiz: Adamastor Martins da Rocha; Auxiliares: Martinello e Palica; 1º tempo: Ouro Preto 2 x 1. Zezo aos cinco minutos, Cleber aos 15 e Romeu aos 43; final: Ouro Preto 2 x 1 Atlético; renda: Cr$ 4.000,00; Quadros – Ouro Preto: Hugo, Otávio, Zé Gaúcho, Dudu e Satiro; Pimenta e Paulo; Chimba, Zezo, Acácio e Romeu. Atlético: Pedrinho, Paulo, Bolô, Tenente e Foguinho; Santinho e Uca; Joé, Aldo, Gelso e Cleber. Melhor Jogador em campo: Zé Gaúcho. Nota 10.

E eu retornarei amanhã. Até lá amigos e um abraço do meu tamanho.

Bibliografia: coletânea Tribuna Criciumense, Arquivo Público Pedro Milanez

Por Archimedes Naspolini Filho 08/04/2019 - 06:00

JORNAL TRIBUNA CRICIUMENSE, fundado em 2 de maio de 1955, precursor de A TRIBUNA, edição de 27 de junho de 1960.

SITUAÇÃO DO ENSINO NO MUNICÍPIO DE CRICIÚMA – Setor municipal: Escolas Primárias, 50; Professoras, 80 (sendo seis normalistas). Setor estadual: Grupos Escolares, cinco; Curso Normal Regional, três; Escolas Reunidas, 10; Escolas Isoladas, 28; Escolas Particulares, três; Matrículas Masculinas, 4.091; Matrículas Femininas, 3.273; Professores, 215. Os educandários de nível secundário, normal regional, comercial técnico e pré secundário estão assim distribuídos: uma escola normal, particular; um ginásio misto, particular; uma escola técnica de comércio, particular; uma escola tipo grupo escolar, particular; Casa da Criança, creche, ensino primário, particular; três escolas tipo normal regional: uma na sede, uma em Içara e uma em Forquilhinha; uma escola normal, anexa ao ginásio Madre Teresa Michel; uma escola em Forquilhinha, nível primário e pré secundário.

LIVROS PARA OS PRESIDIÁRIOS – O Rotary Clube de Criciúma está vivamente empenhado em proporcionar aos que se acham recolhidos à cadeia local, livros que sirvam, não só para instruí-los, como também ajudar a alfabetizar muitos dos presos. Por isso vem apelar à generosidade de nosso povo, no sentido de conseguir donativos para essa modesta estante.

PROIBIÇÃO DE VENDA DE RIFAS – O Sr. Arthur Souza, delegado de Polícia de Criciúma, no uso de suas atribuições e visando coibir os abusos que, ultimamente, se tem verificado com a venda de rifas, contrariando prescrições legais, comunica que, a partir desta data, exercerá severa fiscalização sobre estes fatos, aplicando, aos responsáveis, as penalidades previstas em lei. Outrossim, chama a atenção do público em geral para que não adquira bilhetes de rifa, porquanto os objetos a serem sorteados poderão ser apreendidos. Esclarece, finalmente, que tais rifas, de acordo com o art. 50, § 3º, da Lei as Contravenções Penais, são consideradas atos criminosos.

COMERCIAL DA EDIÇÃO – Laboratório de Análises Clínicas e Bromatológicas – Farmacêutico Responsável, Dr. Victor Luiz A. Sampaio, especializado pelo Laboratório do Professor Dr. Narbal Alves de Souza, diretor do Laboratório Central do DSP. Exames: pré-nupciais, pré-natais, sangue, fezes, urina, escarro, etc. Diagnóstico precoce de gravidez. Praça Nereu Ramos, 42, ao lado da Prefeitura.

TRIBUNA ESPORTIVA (Fúlvio Naspolini) – COMERCIÁRIO BATEU O ATLÉTICO – Encerrando o primeiro turno do certame de 60, Atlético e Comerciário realizaram, ontem, o cotejo das esperanças, o tradicional clássico fla-flu da cidade. O Comerciário venceu por 3 a 2. O Comerciário formou com Zezé, Osni, Murici, Gerson e Colombi; Jango e Tomaz; Chu, Valdir, Cardoso e Risada. O Atlético: Pedrinho, Paulo, Bolô, Tenente e Abelardo; Santinho e Uca; Joé, Aldo, Gelson e Cleber.

E eu retornarei amanhã. Até lá amigos e um abraço do meu tamanho.

Bibliografia: coletânea Tribuna Criciumense, Arquivo Público Pedro Milanez.

Por Archimedes Naspolini Filho 05/04/2019 - 06:00Atualizado em 05/04/2019 - 23:20

JORNAL TRIBUNA CRICIUMENSE, precursor de A TRIBUNA, edição de 13 de junho de 1960 (continuação).

SESSENTA MILHÕES PARA ESCOLAS PRIMÁRIAS RURAIS – No plano de aplicação de dotações orçamentárias do Instituto Nacional de Estudos Pedagógicos, para o ano em curso, o ministro Clóvis Salgado aprovou uma rubrica de sessenta milhões de cruzeiros para a construção, reconstrução e equipamentos para escolas primárias rurais, de acordo com o que dispõe o Decreto nº. 25.667, de outubro de 1948, e a Lei nº 59, de 1947. Desta maneira, mais uma vez o MEC busca intensificar a edificação de escolas no campo, oferecendo, aos filhos dos agricultores, condições para o aprendizado elementar.

FESTA JUNINA – BAILE DA CHITA – O Clube da Lady, numa festa pré-inaugural, realizará, na noite de 2 de julho próximo, às 21h00, na Sociedade Recreativa Mampituba, o Baile da Chita, para o qual convida a todos os sócios e frequentadores. Traje: Damas, chita, passeio. Cavalheiros, passeio com lencinho de chita, que podem ser adquiridos na portaria do clube no dia do baile. Será vedada a entrada de quem não estiver devidamente vestido. Outrossim, comunica que serão vendidos quitutes típicos como pão-de-ló, cocada, suspiro, pé de moleque, quindim, cartucho, rosca, bolinho de fubá, pinhão, bolinho de aipim com coco, cuscuz, quentão e Grande Otelo. Espera aí: Grande Otelo é o nome de um grande comediante do cinema nacional. Seria “Quentão Grande Otelo”?

SOCIEDADE RECREATIVA UNIÃO OPERÁRIA – Em assembleia geral, realizada dia 1º de maio, foi eleita e empossada a diretoria para o biênio 1960-61, composta pelos seguintes membros: Presidente de Honra Pedro Jerônimo Nascimento, Presidente Bento Brum, Vice-Presidente Gláucio Rosa, 1º Secretário Agenor da Silva Pinto, 2º Secretário Manoel Cândido Pacheco, 1º Tesoureiro Lênio Luiz de Jesus, 2º Tesoureiro João Bazílio da Silva. Esse Clube era de Laguna, mas muito prestigiado pelos criciumenses. E já que falamos em nova diretoria, eis aqui a do ATLÉTICO OPERÁRIO F. C. que, em assembleia geral ordinária, realizada dia 10 do corrente, elegeu e deu posse aos novos dirigentes cuja composição foi esta: Presidente de Honra Dr. Sebastião Neto Campos, Presidente João Sonego, Vice-Presidente Antônio Borges de Medeiros, Secretário Geral José Caetano Sobrinho, 1º Secretário João Fernandes, 2º Secretário Agenor dos Santos, 3º Secretário Ernandes Scott, Tesoureiro Geral José Pacheco dos Reis, 1º Tesoureiro João Keller, 2º Tesoureiro Hugo Verdieri, 3º Tesoureiro Aristeu dos Santos. Conselho Fiscal, efetivos: Acácio Luiz Bittencourt, Anésio da Conceição e Frederico Andrade. Suplentes: José Manoel Celso, Gracioso Martignago e Manoel Machado. Essa turma aí não era franca não, hein? O povo quer saber: o que fazem, numa diretoria, o 3º secretário e o 3º tesoureiro? 

E eu retornarei segunda-feira. Até lá amigos e um abraço do meu tamanho.

Bibliografia: coletânea Tribuna Criciumense, Arquivo Público Pedro Milanez.

Por Archimedes Naspolini Filho 04/04/2019 - 06:00

JORNAL TRIBUNA CRICIUMENSE, precursor de A TRIBUNA, edição de 6 de junho de 1960 (continuação).

FESTIVAL NO CINE E TEATRO MILANEZ – Apresentação, no próximo dia 10, às 20h00. Programa: Primeira Parte. Primeiro número, Húngara, bailado cigano. Segundo número: A Mentirosa no Pelourinho, comédia com Vera, Maria Ely e Rita de Cássia. Terceiro número: Roda das Companheiras, bailado, com Maria de Fátima, Mirian, Maria Ely, Dóris, Vera, Maria Isabel, Rita de Cássia, Maria Inês, Vera Lúcia, Célia e Lourdinha. Quarto número: Personalit (Rock and Roll) cantado pela senhorita Claudete Búrigo, Sérgio Camargo e Basílio Dal Bó. Quinto número: Poesia Dindinha Lua, a ser declamada pela Sra. Zeny Diehl. Sexto: Angústia de Coração Materno, drama. Personagens: Madame Branca Momier, Vanilda Daros; Alice, Henrique e Madame Monier, filhos de Branca, Etelvina Espíndola, Clésio de Luca e Zenir Coral; Flora, dama de companhia, Delir Brunelli; Cigana Rosalba, Claudete Búrigo; Paquerete (criança roubada), Maria Amelis Fernandes; Florista Maria Augusta, Vilma Coral; irmãs de Maria Angela: Marta, Marlene Dino, Lúcia, Salete Zanatta, Rosinha, Valdete Milanez, Luiza, Maria Bernardete Castelan; Anjos: Angelina Souza Santos e Edir Maria Meller.

LIONS CLUB DE CRICIÚMA – (Rodeval José Alves) Completou oito dias que o Lions Club de Criciúma, numa soleníssima festa, com a presença de altas autoridades, inclusive do governador distrital, Dante de Laytano, recebeu a sua Carta Constitutiva. Quem conhece o Lions Club ou já ouviu falar dos leões, seus componentes, não pode, então desconhecer os benefícios e as atividades dos mesmos e seu interesse pela comuna. Tendo em sua presidência a figura do Dr. João Kasnock Filho, o Lions tem demonstrado à municipalidade mineira o interesse pela nossa terra.

E chegamos à edição do Tribuna Criciumense que circulou dia 13 de junho de 1960 que trouxe, na capa: TÉCNICOS POLONESES OBTÊM COQUE COM QUALQUER TIPO DE CARVÃO – Técnicos poloneses acabam de fazer uma importante descoberta obtendo coque com qualquer tipo de carvão de pedra. Em vista do valor econômico que esse novo processo de fabricação do coque representa, não somente para a Polônia, mas também para outros países, o adido comercial do Consulado Geral da Polônia, em São Paulo, Sr. Tadeu Karczmarczulc, enviou-nos a versão portuguesa de um artigo versando sobre a matéria, publicado pelo Jornal Trybuna Lud, de Varsóvia, no dia 27 de abril último, que passamos a publicar. E Tribuna Criciumense utiliza farto espaço da capa para reproduzir o referido artigo que fala da grande descoberta dos poloneses acerca do fabrico de coque a partir de qualquer carvão mineral.

E eu retornarei amanhã. Até lá amigos e um abraço do meu tamanho.

Bibliografia: coletânea Tribuna Criciumense, Arquivo Público Pedro Milanez

Por Archimedes Naspolini Filho 03/04/2019 - 06:00

JORNAL TRIBUNA CRICIUMENSE, precursor de A TRIBUNA, edição de 30 de maio de 2019 (continuação).

PRÊMIO GOVERNADOR HERCÍLIO LUZ – Na edição de ontem registrei que fora apresentado, na Câmara Municipal, projeto de lei instituindo o prêmio em referência. Os detalhes que caracterizariam aquele prêmio são estes: Cada aluno dos cursos Regional, Ginasial e Técnico em Contabilidade apresentará, ao diretor do seu estabelecimento de ensino, uma composição que se relacione com a vida e obra do governador Hercílio Luz. A direção de cada estabelecimento escolherá as três melhores composições, remetendo-as ao prefeito municipal até o dia 30 de junho do ano em curso. O prefeito constituirá uma comissão especial composta de um representante da Câmara Municipal, um da Delegacia de Ensino, um do Rotary Club, um do Lions Club, um da imprensa falada e um da imprensa escrita, para apreciar e classificar as composições. Todos os participantes receberão diploma de Honra ao Mérito e, ao vencedor, será oferecida uma caneta Parker, personalizada. Espero que tal projeto tenha sido aprovado, a lei sancionada e publicada e o concurso realizado. Estarei atento às próximas edições quanto a tais registros. O autor do projeto de lei foi o vereador Ernesto Bianchini Góes.

DEUS É BOM, MAS O DIABO NÃO É MAU – A ala do PTB, a da Cruz, ou seja o trio Vânio-Rabello-Doutel, recebeu telegrama de apoio do chefe Jango. Entretanto, a outra ala, a do Aryovaldo no comando, também recebeu idêntico apoio e também por telegrama.  Finalmente está anunciada a vinda, a esta cidade, dos cupinchas Saulo Gomes de Oliveira e Rafael Lima, este último já, há muito, retirado de circulação e acomodado com um emprego público para, em conjunto, organizarem a Marcha da Paz entre os petebistas e trabalhistas da cidade. Como diz o ditado: “Todos são úteis, ninguém faz falta!” O PTB fazia coisas!...

COMERCIAL DA EDIÇÃO – Mário Crippa S/A, Indústria, Comércio e Agricultura. Cereais, Ferragens, Louças, Alumínio, Armarinhos e Engenho de Arroz. Por atacado. Ru Henrique Lage, nº 183, Caixa Postal 139 – Criciúma.

E chegamos à edição que circulou dia 6 de junho de 1960 que destacou, na capa: A SIDESC MORREU NA CASCA – A usina siderúrgica prometida para o sul catarinense, vai ser construída no Rio Grande do Sul. A conversão necessária a esse empreendimento será de 2,8 bilhões de cruzeiros. A Companhia Siderúrgica Nacional participará com 50% do capital, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico, o Plano do Carvão Nacional, o governo gaúcho e investidores locais com 20% e, as Companhias carboníferas (Cadem e Sul América) com os restantes 10%. Processo sueco de redução direto para o fabrico de ferro esponja e aços finos.

E eu retornarei amanhã. Até lá amigos e um abraço do meu tamanho.

Bibliografia: coletânea Tribuna Criciumense, Arquivo Público Pedro Milanez.

Por Archimedes Naspolini Filho 02/04/2019 - 06:00Atualizado em 02/04/2019 - 22:59

JORNAL TRIBUNA CRICIUMENSE, precursor de A TRIBUNA, edição de 23 de maio de 2019 (continuação).

ADHEMAR DE BARROS EM CRICIÚMA – Cerca das doze horas do dia 15 último, desembarcava em nosso aeroporto, o candidato a presidente da República, Dr. Adhemar de Barros, acompanhado de sua comitiva que, logo após, se dirigiu à Praça Nereu Ramos, onde dirigiu sua palavra aos criciumenses. Foi transmitido pela Rádio Eldorado Catarinense e Difusora, de Urussanga. Usaram da palavra, na oportunidade, o prefeito Addo Caldas Faraco e o Sr. Adolfo Francisco da Silva, presidente do diretório municipal do PSP. Saudou o Dr. Adhemar, a estudante Elizabeth Silva. Depois, o prefeito paulistano dirigiu-se a um almoço que lhe foi oferecido no Hotel Brasil. Esta nota está inserida na coluna “Tribuna Informando”, de responsabilidade de Rodeval José Alves. Nessa época a Marconi, de Urussanga, era conhecida por Rádio Difusora de Urussanga. E o Hotel Brasil hein? disputava com o Capri o ponto gastronômico às autoridades que nos visitavam.

E era Rodeval que dava a próxima notícia: GRUTA NOSSA SENHORA DE LOURDES – De vários locais da cidade avista-se uma construção moderna, erguida num lugar aprazível e ornamentado por belezas naturais. Depois de algum tempo com as obras paralisadas, surge agora, aos olhos dos criciumenses, uma magnífica construção toda construída de pedras: a Gruta Nossa Senhora de Lourdes, localizada próximo ao Morro da Cruz. ...Deve-se a concretização da mesma aos esforços dispensados pelo pároco Pe. Estanislau Ciseski e seu assistente eclesiástico Pe. Albino Destro, e – sobretudo – à congregação Mariana Nossa Senhora da Salete, desta paróquia, que – através de sua diretoria e de seus membros – não mediram canseiras no sentido de que a Capital do Carvão contasse com uma gruta à altura do seu progresso. Perto do conhecido “Cruzeiro das Missões” ergue-se, agora, também, a Gruta Nossa Senhora de Lourdes. Nessa época toda a região da Gruta e a parte superior à ela eram completamente desabitadas. E ali, na confluência da Rua Hercílio Luz com a Rua São José, fora afixada uma cruz preta, visível em qualquer parte da cidade, símbolo das Missões. Por isso o local tomou o nome de “Morro do Cruzeiro”. E chegamos à edição que circulou dia 30 de maio de 1960 que trouxe, na capa, matéria relacionada com o

CENTENÁRIO DE NASCIMENTO DE HERCÍLIO PEDRO DA LUZ – e, na página três: Patriótico projeto de lei apresentado na Câmara Municipal de Criciúma também participa das homenagens à memória de Hercílio Luz. Art. 1º Fica instituído o “Prêmio Governador Hercílio Luz”, como parte das homenagens que o Município prestará à memória do saudoso governador, cujo transcurso do centenário de seu nascimento ocorre no presente ano. 

E eu retornarei amanhã. Até lá amigos e um abraço do meu tamanho.

Bibliografia: coletânea Tribuna Criciumense, Arquivo Público Pedro Milanez

Por Archimedes Naspolini Filho 01/04/2019 - 06:00Atualizado em 02/04/2019 - 21:53

JORNAL TRIBUNA CRICIUMENSE, precursor de A TRIBUNA, edição de 23 de maio de 2019.

TRIUNFO DE SYLVIO BITTENCOURT – O jovem astro brevemente empreenderá excursão ao sul do país, quando interpretará “As Mãos de Eurídice”, a obra prima de Pedro Block, inclusive para seus conterrâneos. E Tribuna Criciumense faz a apologia do jovem artista criciumense que, nos palcos e nas telas do Rio de Janeiro e do Brasil, prometia uma carreira de grande sucesso. O monólogo de Block por duas vezes foi levado ao palco do Milanez: por Sylvio Bittencourt e por Nereu Miranda. Aliás, Nereu deveria retornar ao palco com a referida peça: deixou saudades!

CORREIO DE ARARANGUÁ – Causou ótima repercussão, nos meios jornalísticos e culturais do sul catarinense, o aparecimento do “Correio de Araranguá”, semanário independente sob a direção do Dr. Wladmir Luz, redatoriado pelo Sr. Ernesto Grechi Filho e gerenciado pelo Sr. Hervalino Campos. O novel hebdomadário, muito bem impresso e com variada matéria, dispõe-se a batalhar pelas justas reivindicações da brava gente araranguaense tendo, por este motivo, recebido os aplausos de quantos conhecem o sacrifício desses idealistas em dotar aquela próspera comuna de um órgão à altura do seu progresso.

DEPUTADO WOLNEY COLAÇO DE OLIVEIRA – Movimentam-se, os altos próceres políticos do pessepismo catarinense para o lançamento da já vitoriosa candidatura do deputado estadual Wolney Colaço de Oliveira, à vice-governança do nosso Estado, no próximo pleito. O jovem deputado, orador emérito, homem de atitudes resolutas, criador de dezenas de municípios, líder inconteste das grandes lutas parlamentares, defensor intemerado das nobres causas, dos humildes e, sobretudo, dotado de magnânimo coração, é – sem dúvida – elemento capaz de carrear para o seu nome, esmagadora parcela do nosso eleitorado. O Dr. José Pimentel deveria ser muito amigo de Wolney Colaço de Oliveira, PSP. Não faltou qualidade para o postulante à indicação política: faleceu-lhe, sim, apoio do PSP e dos demais partidos formadores das duas alianças comandadas por PSD e UDN, respectivamente. Com todos os predicados apontados por Pimentel Wolney seria reeleito deputado estadual.

CLUB DA LADY DE CRICIÚMA – Dia 9 de maio foi fundado e instalado o Club da Lady da cidade de Criciúma sendo seu objetivo principal organizar a beneficência e a filantropia locais, promover reuniões culturais e de elevação moral. A diretoria é assim constituída: Presidente de Honra Donatila Borba, Presidente Hilda Santana Veras, 1ª Vice Edna de Miranda Pereira, 2ª Vice Bernardina M. Bortoluzzi, 3ª Vice Geny Angeloni Dequech, 1ª Secretária Norma da Silva Thomé, 2ª Secretária Célia da Silva Viana, 1ª Tesoureira Maria Zilli Thomé, 2ª Tesoureira Maria Carmen C. Frydberg. Ainda existe o Club da Lady de Criciúma?

E eu retornarei amanhã. Até lá amigos e um abraço do meu tamanho.

Bibliografia: coletânea Tribuna Criciumense, Arquivo Público Pedro Milanez.

Por Archimedes Naspolini Filho 29/03/2019 - 06:00Atualizado em 29/03/2019 - 23:40

JORNAL TRIBUNA CRICIUMENSE, precursor de A TRIBUNA, edição de 16 de maio de 1960.

VIA DE ACESSO À BR-59 – Esteve em nossa cidade o Dr. Elpídio Souza, chefe do 16º Distrito do Departamento Nacional de Estradas de Rodagem. Há vários meses, ou melhor, desde que se iniciou a construção do trecho da BR-59, Estrada Federal, do distrito de Maracajá, no município de Araranguá, até ao de Tubarão, vêm, o prefeito Addo Caldas Faraco, o governador Heriberto Hülse, o Rotary e o Lions, bem como a Associação Comercial e Industrial, se empenhando, com afinco, no sentido de ser construída a via de acesso que ligará nossa cidade àquela rodovia. Sexta-feira última esteve em nossa cidade o referido engenheiro tendo, preliminarmente, em reunião informal, debatido o problema, com sinceridade e objetividade, adiantando que não medirá esforços para que essa aspiração da coletividade criciumense não sofra mais protelações. Às 19 horas foi-lhe oferecido, na Churrascaria Brasília, um churrasco, ocasião em que, num ambiente de cordialidade o assunto foi detidamente examinado sob todos os aspectos. Era o carvão, era a Siderúrgica e, agora, o acesso à BR-59, nossa 101. Foi aberto  o acesso, mas demorooooou! É a Paulino Búrigo.

NASCIMENTO – Roseana tem a satisfação de participar aos parentes e amigos de seus pais Duílio Silvestre e Dalva de Aguiar Silvestre, o nascimento de seu irmãozinho Roberto, em Criciúma aos dois de maio de 1960.

TRIBUNA ESPORTIVA (Fúlvio Naspolini) – COMERCIÁRIO 3 X 2 BOA VISTA – data: 15 de maio de 1960. Estádio Heriberto Hülse. Juiz Valmor Bresciani (fraco). Auxiliares Conti (bom) e Machado (péssimo). Comerciário: Zezé, Osni, França, Muricy e Gerson; Pachá e Tchiro; Valdir, Chu, Cardoso e Risada. Boa Vista: Barbosa, Deroci, Panca, Valdecir e Passinho; Nelo e Osvaldo; Santos, Edésio, Lili e Almerindo. ATLÉTICO 1 X 0 OURO PRETO – Local: Valdemar de Brito. Juiz: Otávio Amboni (regular). Auxiliares: Nery Peruchi e Nelson. Atlético: Pedrinho, Paulo, Bolô, Tenente e Foguinho; Santinho e Uca; Gênio, Aldo (Joaquim), Gelson e Abelardo. Ouro Preto: Hugo, Enedino, Otávio, Carrasco e Chimba; Pimenta e Lancha; Lata, Romeu (Paulo), Dudu e Inivaldo. METROPOL 7 x 0 BARÃO – Estádio Euvaldo Lodi. Metropol: Dorni, Daltro, Flásio e Djalma; Zezo e Sabiá; Pedrinho, Edson, Zezinho, Rato e Beto. Barão do Rio Branco: Júlio (Dinarte), José, Ismael e Izerlei; Alamiro e Oscar; Ataíde, João, Pedro e Hamilton. Juiz, Zoide Thomé (bom).

COMERCIAL DA EDIÇÃO – SUL AMÉERICA CAPITALIZAÇÃO S/A – Combinações sorteadas em 30 de abril de 1960: TRQ, HKO, XPQ, DTI, YMI E NFM. Portador sorteado nesta praça Sr. Victor Luiz A. Sampaio, com a importância de Cr$ 1.000,00. Agente em Criciúma Bonifácio Casagrande.

E eu retornarei segunda-feira. Até lá amigos e um abraço do meu tamanho.

Bibliografia: coletânea Tribuna Criciumense, Arquivo Público Pedro Milanez.

Por Archimedes Naspolini Filho 28/03/2019 - 06:00Atualizado em 29/03/2019 - 23:32

JORNAL TRIBUNA CRICIUMENSE, precursor de A TRIBUNA, edição de 8 de maio de 1960.

POSSIVEL A CRIAÇÃO, NESTA CIDADE, DE UMA ESCOLA DE FORMAÇÃO DE PROFISSIONAL DE GEÓLOGOS. A iniciativa contará com o apoio do Dr. Wilmar Dias, do governador Heriberto Hülse, do deputado Ruy Hülse e dos engenheiros e autoridades locais.
Evidentemente que deu em nada a não ser o registro jornalístico.

COMPARAÇÃO ORÇAMENTÁRIA CRICIÚMA X TUBARÃO – Orçamento de 1960: Tubarão, Cr$ 15.858.500,00 – Criciúma, 16.710.000,00. Pagamento (mensal) para Professores: Tubarão: Normalista, não informado; Criciúma, Cr$ 3.800,00; Regionalista: Tubarão Cr$ 2.200,00, Criciúma Cr$ 3.400,00; Complementarista: Tubarão Cr$ 2.100,00, Criciúma Cr$ 3.000,00; Não Titulado: Tubarão Cr$ 1.800,00, Criciúma Cr$ 3.000,00. Nessa época Tubarão ainda pontuava, no cenário municipalista catarinense, como a maior cidade do Sul de Santa Catarina. Em tudo havia disputa entre esta e essa cidade. 

UNIÃO ESTUDANTIL LAGUNENSE – Em data de 25 de março do corrente ano foi fundada a União Estudantil Lagunense que, em Assembleia Geral, elegeu a seguinte diretoria: Presidente Geraldo Barzan, Vice-Presidente Paulo José Pacheco, 1º Secretário João Carlos Pacheco, 2º Secretário Odilo A. Lindermann Júnior, 1º Tesoureiro Sidney Pacheco, 2º Tesoureiro Jairo Nicolazzi Reis.

Rodeval José Alves, na sua coluna “Tribuna Informando” dizia: Tempos atrás, através desta coluna, dirigíamos, ao Sr. Auzenir Guimarães, proprietário do conhecido “Auto Lotação Pinguim”, um apelo no sentido de que tomasse providências com a grama da Praça do Imigrante, onde essa empresa de transportes mantém a sua parada, pois que aquele logradouro público estava tomado de um aspecto diferente, porque a grama que possuía, naquele jardim, havia desaparecido. Esperamos algum tempo e, infelizmente, observamos que o pedido (isto é, a obrigação) não tinha sido providenciado. É contrário à nossa vontade que registramos o presente comentário. Esse Rodeval!...

DESFILE DE MODELOS MIRINS – Numerosa, seleta e entusiástica assistência compareceu, sexta-feira última, dia 6, ao Cine e Teatro Milanez, para aplaudir ao desfile de modelos mirins cuja graça e desenvoltura a todos agradou. Iniciativa da Senhora Norma Corrêa, proprietária da Casa Canadá, com arrecadação à formatura da primeira turma do Ginásio Madre Teresa Michel. Tomaram parte do desfile as seguintes meninas: Anelise Amboni, Maria Alice Guedes, Silvia Regina Pereira, Maria de Fátima Corbetta, Jane Menezes, Rosângela Kock, Lúcia Machado, Solange de Freitas, Tânia Vieira, Raquel Arjona, Simone Simon, Ana Maria Pereira, Marilia Pimentel, Mary Tasso, Jane de Bem, Margarete Borges, Madalena Rovaris dos Reis, Maria Helena Rovaris, Elizabeth Regina Brasil, Luiza Helena Grijó, Mara Oliveira, Jane Lemos e Maria Inês Barata.

E eu retornarei amanhã. Até lá amigos e um abraço do meu tamanho.

Bibliografia: coletânea Tribuna Criciumense, Arquivo Público Pedro Milanez.

Por Archimedes Naspolini Filho 27/03/2019 - 06:00Atualizado em 29/03/2019 - 23:25

JORNAL TRIBUNA CRICIUMENSE, precursor de A TRIBUNA, edição de 2 de maio de 1960. 

ENCADERNAÇÃO CRIMINOSA – Na escola de ensino profissionalizante, recebi o certificado de Artífice em Artes Gráficas. Portanto, de impressão e encadernação, entendo. Manuseio os livros que contém a coleção de todas as edições do Tribuna Criciumense, desde a sua fundação e o leitor me acompanha nesta histórica volta ao passado. Reproduzo, sempre, fragmentos do nosso hebdomadário maior, desde a sua fundação havida a 2 de maio de 1955. Tudo encadernado, por capricho de Pedro Milanez que fez a doação ao Arquivo Público que, até por causa disso, tomou o seu nome.
De 1955 à edição dos seus primeiros cinco anos, o nosso semanário está encadernado em sucessivos períodos e temos, em cada “cadernão” uma boa fração da nossa História. Hoje cheguei à edição que circulou dia 2 de maio de 1960, conforme informei anteriormente. Está arquivada no volume que contempla as edições dessa à data de 17 de abril de 1961. Encontrei, nessa ‘viagem’, cadernos que arquivam os exemplares de traz para a frente, mas sem prejuízo à pesquisa. Todavia este que manuseio agora foi encadernado não obedecendo qualquer resquício de encadernação e de arquivo. Um crime! O encadernador não respeitou o dorso do jornal e, pior, grampeou tudo de uma vez. É impossível ler pelo menos 1,5cm de cada página, à extrema esquerda, comprometendo a transcrição verbal e fotográfica. Uma barbaridade! No que for possível (e do meu conhecimento, por ter vivido esse tempo), todavia,  farei a transcrição sem o compromisso do ‘ipsis litteris’, para não comprometer o fio da histórica meada. Que pena!

TRIBUNA ESPORTIVA – Domingo, o initium da Larm de 1960. Muita gente, pouco goal. Atlético 1 x 0. Uma massa humana recorde em nossas praças de esportes se fez presente, na tarde de ontem, ao Valdemar de Brito para assistir Atlético e Botafogo do Rio de Janeiro. Os alvinegros da ex-capital da República, com um time misto, na sua totalidade juvenis, apresentou um futebol bonito, mas caiu diante de um Atlético bem plantado, com jogadores individuais do quilate de Almerindo, Bracinho, Santinho e outros. Santinho anotou aos 25 do segundo tempo, numa confusão dentro da área carioca. Antes de ser iniciada a partida aconteceram diversas homenagens ao ‘glorioso’ tendo, na oportunidade, falado o prefeito Addo Caldas Faraco. O Atlético alinhou com Rubens (Pedrinho), Paulo, Tenente e Foguinho; Bolô (Dego) e Tião; Aldo (Chu), Santinho, Bracinho (Gelso), Almerindo e Paim (Zé). O Botafogo, com Adalberto, Rubinho (Rildo), Carlos e Lucas; Ronaldo e Silas; Roberto (Almir), Dedé, Nilson, Arlindo e Iroldo (Sidnei). Nessa notícia Fúlvio Naspolini, poliglota, fala no INITIUM (pronuncia-se ‘inícium’) e no GOAL. Além do português dominava o latim e o inglês.

E eu retornarei amanhã. Até lá amigos e um abraço do meu tamanho.

Bibliografia: coletânea Tribuna Criciumense, Arquivo Público Pedro Milanez.
 

Por Archimedes Naspolini Filho 26/03/2019 - 06:00Atualizado em 29/03/2019 - 23:17

JORNAL TRIBUNA CRICIUMENSE, precursor de A TRIBUNA, edição de 2 de maio de 1960.

HORÁRIO NOTURNO ADOTADO PELA AUTO VIAÇÃO SÃO CRISTÓVÃO – Pode-se ir e voltar, no mesmo dia, a Porto Alegre. A Auto Viação São Cristóvão, empresa de transportes coletivos que é, sem favor nenhum, uma das mais bem organizadas do país, e que tem servido para difundir, inclusive em outras capitais, o progresso de nossa comuna, vem de estabelecer, desde a quinta-feira última, dia 2, um horário noturno de Porto Alegre a Criciúma, saindo os veículos daquela capital às terças e quintas-feiras, às 18h00, servindo as praças de Araranguá e esta cidade. Um horário noturno, para nossos ônibus interestaduais, provocava notícia.

JAGUARUNA – Os habitantes dessa cidade estão em festas e entusiasmados com a ligação elétrica da Usina de Capivari, da Companhia Siderúrgica Nacional, estando aguardando, ansiosos, a indicação da data de inauguração, ocasião em que será homenageado o ilustre deputado federal Joaquim Ramos, principal responsável pelo grande melhoramento que vem abrir novos horizontes para Jaguaruna. Repercutiu, satisfatoriamente, a nomeação do Sr. Luiz Peregrini Lapolli, para coletor federal, pessoa muitíssimo relacionada e que goza da estima e apreço dos jaguarunenses.

PARTIDO TRABALHISTA BRASILEIRO – O PTB elegeu a sua nova Comissão Executiva Municipal de Criciúma que ficou assim constituída: Presidente, Addo Vânio de Aquino Faraco, 1º Vice, Romeu Lopes de Carvalho, 2º Vice, José Martinho Luiz, 3º Vice, Abílio dos Santos, 4º Vice, Jorge Feliciano. Secretário Geral, Nilton Francisco Rabello. 1º Secretário, Gilberto da Silva; 2º Secretário Manoel Quintino dos Santos; Tesoureiro Geral Lafaiete Borba, 1º Tesoureiro Manoel Ribeiro; 2º Tesoureiro Nero Fernandes. Esse Partido era diferente: para que tantos vice presidentes?

TRIBUNA INFORMANDO – VIVEIRO DA PRAÇA – Quase toda a população criciumense tem conhecimento do Viveiro construído na Praça Nereu Ramos quando, há dias, foi concluída aquela tão discutida obra, nos meios populares. Depois de um grande e belo acabamento, tornou-se, verdadeiramente, uma atração na nossa principal praça. Os os variados pássaros lá existentes e com organizada iluminação, à noite, isso nas mais diversas cores, tornou-se, o viveiro, num local de passatempo. Vemos, constantemente, grande número de pessoas observando, diariamente, a nova obra da prefeitura municipal. A Capital do Carvão se orgulha desse ornamento e isso a municipalidade deve ao prefeito Addo Caldas Faraco. Juro, sem medo de errar: Rodeval José Alves, redator dessa nota, deve ter se arrependido de ter escrito tal informação. Felizmente, prender pássaros faz parte de um passado que não merece rememoração.

E eu retornarei amanhã. Até lá amigos e um abraço do meu tamanho.

Bibliografia: coletânea Tribuna Criciumense, Arquivo Público Pedro Milanez.

Por Archimedes Naspolini Filho 25/03/2019 - 06:00

JORNAL TRIBUNA CRICIUMENSE, precursor de A TRIBUNA, edição de 25 de abril de 1960.

BRASÍLIA, A NOVA CAPITAL FEDERAL – E Tribuna Criciumense ocupa significativo espaço da capa dessa edição para falar da nova capital da República. Linhas emocionantes foram escritas enaltecendo a coragem do presidente Juscelino Kubitschek, rememorando as tantas vezes que o Brasil ensaiou a transferência da capital, da cidade do Rio de Janeiro, para o interior, os rumos que o Brasil certamente tomaria a partir desse histórico momento.

“O PTB E OS TRABALHADORES JUNTOS, FARÃO DEFUNTAS AS ELITES SUPERADAS DO BRASIL” – No encerramento da Convenção Nacional do PTB, que homologou a chapa Lott-Jango para a sucessão presidencial, o deputado catarinense Doutel de Andrade pronunciou discurso de saudação, na Câmara dos Deputados, aos convencionais trabalhistas, em nome da Executiva Nacional e na qualidade de Presidente do PTB catarinense. Pelo seu conteúdo doutrinário e programático damos, abaixo, a íntegra do discurso do deputado trabalhista que é transcrito com revisão do orador. É oportuno salientar que a representação de Santa Catarina fez-se representar na convenção somente pela pessoa do deputado Doutel de Andrade que, aliás, teve ótima atuação em todo o conclave já que o senador Saulo Ramos, também credenciado, negou-se a dela participar certamente por divergir da orientação que então iria traçar para a sucessão presidencial. E o nosso Jornal transcreveu o discurso de Doutel ocupando parte da capa, um terço da página três e mais um terço da página quatro.

SOCIAIS – Sr. E Sra. Fernando Jorge da Cunha Carneiro têm a satisfação de participar aos amigos e parentes o nascimento de sua primogênita Grasiela, nascida dia 13 de abril do corrente, na maternidade do Hospital São José, desta cidade. Sr. Ponciano   João dos Santos e Sra. Antônia Rodrigues dos Santos participam a seus parentes e pessoas de suas relações, o nascimento de sua filha, dia 18 do corrente, que – na pia batismal – receberá o nome de Maria Goretti.

JANGO SOLIDÁRIO COM EXPULSÃO – O “O Jornal”, em sua edição de ontem, publica o seguinte: “O Sr. João Goulart recomendou à Comissão Executiva Nacional do PTB, ontem, seja imediatamente homologado o ato da Executiva Regional do Partido, de Santa Catarina, que expulsou, das fileiras trabalhistas, os deputados estaduais Braz Joaquim Alves e Paulino Búrigo. Os referidos parlamentares segundo revelam despachos da “Meridional”, procedentes de Florianópolis, traíram o acordo do PTB com o PSD, para a eleição da Mesa da Assembleia Legislativa, bandeando-se para a UDN. Em consequência foram expulsos do Partido. Sobre o assunto, aliás, o Sr. João Goulart teve demorada conferência com o deputado Doutel de Andrade.”

E eu retornarei amanhã. Até lá amigos e um abraço do meu tamanho.

Bibliografia: coletânea Tribuna Criciumense, Arquivo Público Pedro Milanez.

Por Archimedes Naspolini Filho 22/03/2019 - 06:00Atualizado em 23/03/2019 - 17:20

JORNAL TRIBUNA CRICIUMENSE, precursor de A TRIBUNA, edição de 18 de abril de 1960.

BANDA MUSICAL CRUZEIRO DO SUL – O Sr. Jurê João Borba, Presidente da Banda Musical Cruzeiro do Sul, recebeu, do Sr. Wilson Telles Costa, industrial residente na próspera cidade de Caxias do Sul, carinhosa carta na qual tece merecidos encômios àquela sociedade que, apesar de constituída por modestos operários, muito tem elevado o nome de nossa comuna por onde tem se exibido. Essa carta é um estímulo àqueles humildes trabalhadores que, com inúmeros sacrifícios, vêm mantendo a Banda Musical, evitando, assim, que nosso município se veja privado de seu valioso concurso. E Tribuna Criciumense publica, na capa da edição em revista, o teor da carta mencionada. 

ESCOLA DE SAMBA VILA ISABEL – Foi eleita, dia 25 de março, a diretoria que regerá os destinos dessa Escola até 1961, a qual ficou assim constituída: Presidente, Romeu Lopes de Carvalho; Vice-Presidente, José Bento Borges; Secretário Geral, Onélia Alano da Rosa; 1º Secretário. José Felisberto Albino; Tesoureiro Geral, José Farias; 1º Tesoureiro, Luiz Valentin; Comandante, Roberto Lima; Subcomandante, Aldo Domingos; Assistente, Carlos Alexandre; Departamento Feminino, Carmem F. de Carvalho. 

SOCIAIS – NASCIMENTOS – Os lares de Victor Sampaio e Jayme Martins foram enriquecidos com a chegada de duas galantes herdeiras. No primeiro, a cegonha deixou Thais Viegas Sampaio, nascimento ocorrido na maternidade do Hospital São José, às 6h20 do dia 3 de abril. No segundo, apareceu Janet de Amorin Martins, nascimento também ocorrido no Hospital São José, às 8h00 do dia 8 de abril.

TRIBUNA ESPORTIVA (Fúlvio Naspolini) AJATO, PARABÉNS – A data de 21 próximo será festiva para o esporte amadorista da cidade. É que, nesse dia, estará completando seu segundo aniversário, o E. C. Ajato, sem dúvida nenhuma, uma das glórias do nosso esporte amador. As comemorações serão iniciadas na noite do dia 20 quando, nos salões da Sociedade Recreativa Mampituba, haverá um magnífico baile ao som da orquestra Ravena, de Laguna. PAULA RAMOS 2 X 1 ATLÉTICO – Em seu penúltimo compromisso, pelo certame catarinense de 1959, o Atlético Operário, nosso representante, foi derrotado, na tarde de ontem, em Florianópolis, pelo Paula Ramos, pela contagem de 2 a 1. No primeiro tempo houve empate em um gol. Valério marcou os dois tentos dos florianopolitanos enquanto que Ramos anotou para os criciumenses. ITAUNA 1 X 0 COMERCIÁRIO – Pelo certame da Larm, ontem, no Heriberto Hülse, tivemos a vitória do Itaúna sobre o Comerciário, por um a zero. Joãozinho anotou o único gol da partida.

E eu retornarei segunda-feira. Até lá amigos e um abraço do meu tamanho.

Bibliografia: coletânea Tribuna Criciumense, Arquivo Público Pedro Milanez.

Por Archimedes Naspolini Filho 21/03/2019 - 06:00Atualizado em 23/03/2019 - 17:16

JORNAL TRIBUNA CRICIUMENSE, precursor de A TRIBUNA, edição de 11 de abril de 1960.

GINÁSIO MASCULINO SÃO JOSÉ – As obras de construção do Ginásio Masculino São José, localizado no Bairro do Rádio, em nossa cidade, já se apresentam com outro aspecto, isto é, quase prontas a poder receber alunos, o que, diante disso, já se sabe de sua abertura no próximo ano. E assim, contará, Criciúma, além do majestoso Ginásio Madre Teresa Michel, com mais um belo educandário, masculino, dirigido pelos irmãos Maristas. Essa nota está publicada na coluna de Rodeval José Alves, TRIBUNA INFSORMANDO. O ginásio foi erguido, realmente, para receber alunos do sexo masculino. Isso era normal: meninas não se misturavam com meninos. O que chama atenção é o nome dado, pela nota, ao Pio Correa: Bairro do Rádio. É que, ali, havia a antena transmissora da Rádio Eldorado e ela era a referência do espaço.

TORPEDO, NOVO TÉCNICO DO METROPOL – A direção do alviverde da Metropolitana vem de contratar os serviços profissionais do técnico Torpedo. O referido preparador, desde a última semana, está orientando o plantel do Metropol, tendo, inclusive, traçado seu programa de trabalho que é: terça e quinta, individual; quarta e sexta, coletivo.

LORI – OBJETIVO DO COMERCIÁRIO – Em palestra com nossa reportagem o Senhor Osvaldo Souza, presidente do Comerciário, declarou que Lori, do Juventude de Caxias do Sul, é o próximo objetivo comercialino. O Comerciário deverá enviar emissário à terra do vinho.

NOTA SOCIAL – Pedro Bernardino, não raras vezes, comparecia às páginas do Tribuna Criciumense para homenagear, com poemas de sua lavra, algumas pessoas. Na edição em epígrafe Bernardino publicou uma bela poesia dedicada à Ana Maria, filha de Adamastor e Ruth da Rocha, pela passagem do respectivo aniversário.

REVOLUCIONÁRIA DECISÃO DO TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL – Os diretórios provisórios do PTB podem, quando devidamente legalizados, promover o registro de candidatos a cargos eletivos. Como tenho falado, em edições pretéritas, o PTB fazia coisas. E essa resolução do TRE reflete uma das situações atípicas da política, mas concebível por ter nascido no seio do velho PTB.

CESTAS DE NATAL TITANUS: UM PRÊMIO CERTO A CADA COMPRA – Eis alguns deles: Norton Acioli Maia, um jogo de louça porcelanizada, para bolo; Nadir Búrigo Ghedin, um jogo saladeira, de vidro, 7 peças; Dr. João Casznock, uma balança doméstica, Roma. Outros premiados: Orley Souza, Ari Búrigo, Wilmar Peixoto, Lilian Bolognini, João Agenor Santos, Edeomira Beneton de Abreu, João Benedet, Itamar Campos e Nely Trevisol. Comprava-se a Cesta de Natal Titanus e participava-se de sorteios.

E eu retornarei amanhã. Até lá amigos e um abraço do meu tamanho. Bibliografia: coletânea Tribuna Criciumense, Arquivo Público Pedro Milanez

Por Archimedes Naspolini Filho 20/03/2019 - 06:00Atualizado em 23/03/2019 - 17:09

JORNAL TRIBUNA CRICIUMENSE, precursor de A TRIBUNA, edição de 4 de abril de 1960.

LIONS CLUBE EM REVISTA – Na Assembleia Geral do Lions Clube, realizada terça-feira passada, no Hotel Brasil, compareceram os senhores Pedro Milanez, ex-Presidente e ex-Governador do Rotary e Wilson Barata, economista, também rotariano, Presidente da Associação Comercial e Industrial e da Cooperativa de Crédito Criciumense, sobre a qual discorreu com absoluto conhecimento de causa. Pedro Milanez e Wilson Barata foram convidados especiais àquela assembleia. O que chama atenção é o local de reunião do Lions Club: Hotel Brasil.

TRIBUNA ESPORTIVA (Fúlvio Naspolini) – ATLÉTICO ROMPEU COM O BOA VISTA – A diretoria do Atlético Operário Futebol Clube, em reunião realizada dia 21de março, resolveu, por unanimidade, romper suas relações desportivas com esse clube, até a permanência do senhor Olirio da Silva Floriano, na diretoria desse valoroso coirmão, face à sua prova inamistosa e falta de esportividade, respeito aos interesses esportivos do esporte criciumense. O que teria ocorrido? À época não havia o Debate Aberto da Som Maior, razão pela qual a ‘encrenca’ fica no ar. NILO E GODOBERTO – Regressaram a Brusque, na última terça-feira, os atletas Nilo e Godoberto que, naquela cidade, tratarão da compra de seus passes para ingressarem no Comerciário. Era assim, bem simples assim... JORNAL DE JOINVILLE – Na edição de domingo, dia 27, a direção do América F. C. publicou uma nota em que apelava para os desportistas da ‘Manchester’ dispensarem o máximo de respeito e camaradagem à embaixada atleticana. Com isso queriam, os dirigentes do América, retribuir a hospitalidade a que fizeram jus quando aqui estiveram.

Na coluna TRIBUNA INFORMANDO, Rodeval José Alves escreveu: Não se pode negar que a obra realizada no aeroporto municipal de nossa cidade, pelo prefeito Addo Caldas Faraco, constitui um belo ornamento e um cartão de visita aos que passam pela Capital do Carvão. Construída dentro dos preceitos da engenharia moderna, é – pois – uma obra digna de elogios a estação de passageiros do nosso aeroporto municipal. O interessante seria que o lago que surge ao lado dessa construção fosse parte desse ‘cartão de visita’, isto é, se possa serem aproveitadas suas águas cristalinas para o embelezamento do aeroporto.

MIL CRUZEIROS MENSAIS – Projeto de lei do vereador José Rosso, de 28 de março de 1960, reza, no seu art. 1º: Fica concedido ao Centro Rural de Quarta Linha, neste município, a soma mensal de hum mil cruzeiros, a título de auxílio. À época isso era permitido...

E eu retornarei amanhã. Até lá amigos e um abraço do meu tamanho.

Bibliografia: coletânea Tribuna Criciumense, Arquivo Público Pedro Milanez.

Por Archimedes Naspolini Filho 19/03/2019 - 06:00Atualizado em 23/03/2019 - 17:01

JORNAL TRIBUNA CRICIUMENSE, precursor de A TRIBUNA, edição de 28 de março de 1960, continuação.

Na coluna de Rodeval José Alves, “Tribuna Informando”, busquei as seguintes notas: 1. Segundo o que se informa, pretendem, algumas pessoas de nossa cidade, visitar a futura capital federal, Brasília, viajando de caminhão, Farão a viagem no próximo mês de abril, caso nada venha ao contrário, lotando completamente o veículo e conhecendo, assim, mais uma capital da nossa pátria. Espera aí: viajar de Criciúma a Brasília na carroçaria de um caminhão? Não acredito! Já chegaram lá? 2. Assistindo-se a uma sessão cinematográfica, em ambos os cines de nossa cidade, observa-se que certos indivíduos não se portam, como deveriam, numa casa de diversões. Será culpa dos proprietários, gerentes ou empregados? Não! A culpa é dos que assim agem, pois cinema não é nenhum lugar desses ‘humoristas’ manifestarem os seus gracejos.

Entramos em abril de 1960 com a edição que circulou dia 4 daquele mês. Na capa – como sempre – o primeiro destaque foi o carvão: PRODUÇÃO E EMPREGO DO CARVÃO NACIONAL. Outro destaque foi a A ESTRADA DO RIO DO RASTRO E SUA SIGNIFICAÇÃO NA ECONOMIA DA REGIÃO SERRANA. A Sidesc também se fez presente: A SIDERURGIA CATARINENSE, UM SONHO QUE MORREU e este foi o editorial assinado pelo diretor proprietário do nosso velho Tribuna. Começa assim: As notícias provindas da capital da República, no que se refere à indústria carbonífera, são de molde a trazer sérias apreensões ao sul catarinense, especialmente aos municípios que tem, no carvão mineral, o sustentáculo de sua economia. Falta de mercado para o carvão vapor, com os estoques desse produto se avolumando nos pátios das minas, os trabalhos de construção da Sotelca caminhando a passos trôpegos, e – para arrematar toda essa série de tropeços - o boicote à mensagem presidencial que cria, nesta Região, uma usina siderúrgica que tem vivido aos trancos e barrancos no cipoal da tremenda burocracia federal e combatida com mão de gato, por interesses subterrâneos. Quando tudo parecia caminhar bem, levando de vencida as barreiras que se ia formando, surge – para nossa desdita – na Câmara Federal, um rosário de emendas ao projeto, com o intuito único de liquidar essa esperança, essa alvorada de uma população que luta desajudada para revitalizar sua economia, cujo termômetro é a indústria carvoeira, que sempre viveu de sobressaltos. Mais adiante José Pimentel arremata: Assim, mais uma vez conspiram interesses escusos contra as reais necessidades da terra barriga-verde, das quais, sem favor nenhum, seria essa usina, velha aspiração dos que, aferradamente, vinham lutando para dar à nossa gente, possibilidades de superar a estreiteza do nosso progresso, a sua emancipação. No ano exclusivamente eleitoral que estamos vivendo e com a capital do país transferida para o planalto goiano, ADEUS SIDERÚRGICA CATARINENSE.

E eu retornarei amanhã. Até lá, amigos, e um abraço do meu tamanho.

Bibliografia: coletânea Tribuna Criciumense, Arquivo Público Pedro Milanez.
 

Por Archimedes Naspolini Filho 18/03/2019 - 06:00Atualizado em 18/03/2019 - 16:42

JORNAL TRIBUNA CRICIUMENSE, precursor de A TRIBUNA, edição de 21 de março de 1960, continuação.

TRIBUNA INFORMANDO – Coluna semanal assinada por Rodeval José Alves dava esta notícia: UNIÃO DOS ESTUDANTES SECUNDÁRIOS – Com satisfação noticiamos a fundação oficial e tomada de posse de sua primeira diretoria, da União dos Estudantes Secundários de Criciúma, Uesc, que – sob a direção de jovens idealistas - já iniciou suas atividades. A diretoria eleita e empossada está assim constituída: Presidente Fúlvio Naspolini, Vice-Presidente Francisco Faraco, Secretário Geral José Vitório, 1º Secretário Júlio Wessler, 2º Secretário Júlio César Hülse, Tesoureiro Geral Olímpio Vargas, 1º Tesoureiro Daltro Rabello, 2º Tesoureiro Adilson Faraco, Orador Oficial Sebastião Humberto Pieri. Conselho Fiscal, efetivos: Alberto Abreu, Gilberto Oliveira e Arlindo Junkes; suplentes:  Haroldo Roque, Anastácio Gonçalves da Silva e Nilo de Oliveira. A turma era forte e, daqui pra frente, certamente a Uesc se fará presente em muitas edições do nosso Tribuna Criciumense.

E chegamos à edição que circulou dia 28 de março de 1960 que trouxe, em letras garrafais, na capa: A PREVIDÊNCIA SOCIAL, FALIDA, DEIXA DE FORA MAIS DE 16 MILHÕES DE BRASILEIROS – “Serei um Vice-Presidente do campo, trabalhando na construção de um plano agrário que valorize o Homem e fortaleça a nossa estrutura rural”: discurso do Sr. Fernando Ferrari, como candidato oficial do PDC à Vice-Presidência da República. No seu discurso, na convenção do Partido Democrata Cristão, Ferrari denunciou a falência da Previdência Social e os 16 milhões de agricultores às margens do sistema. Como vemos, essa história da ‘falência’ da previdência atravessa décadas: basta fazer as contas.

BIBLIOTECA PEREIRA OLIVEIRA – Apelo aos senhores consulentes – Peço aos consulentes que façam a entrega dos livros da Biblioteca Antônio da Silva Pereira Oliveira, de Criciúma, dentro do prazo marcado, evitando tenha de, a contra gosto, publicar os nomes daqueles que não atenderem ao presente pedido. Agradece, a bibliotecária. Nossa Biblioteca tinha esse nome, em homenagem ao governador que sancionou a lei que nos deu emancipação. O nome foi substituído, assim como o endereço da nossa Casa de Livros: em 1960 era na Praça Nereu Ramos, depois foi para a Praça do Congresso, hoje está no Parque Centenário.

COMERCIAL DA EDIÇÃO – SEMORIN – O produto que já revolucionou o Brasil. Sensacional Tira-Ferrugem. Uma gota, somente, tira qualquer mancha de ferrugem sem atacar as fibras dos tecidos. Tira, também, ferrugem de ferro, mármore, ladrilho, mosaico, etc. À venda, nesta cidade, na Drogaria e Farmácia São José, Praça Nereu Ramos, 144. Essa gota milagrosa ainda existe?

E eu retornarei amanhã. Até lá amigos e um abraço do meu tamanho.

Bibliografia: coletânea Tribuna Criciumense, Arquivo Público Pedro Milanez.

« 1 2 3 4 5 6